sábado, 22 de janeiro de 2011

Aberto

Já em pleno funcionamento o ambiente climatizado do restaurante Nossa Massa, voltado para o atendimento aos que apreciam o Sushi, sob os cuidados do sushiman Elimar (foto), que veio de Natal. Uma boa pedida para aqueles que estão optando por permanecer na cidade e curtir o delicioso clima de chuva. O Restaurante e Pizzaria Nossa Massa fica localizado à Avenida Rio Branco, em frente à Praça de Convivência. Por sinal, raros são os que não estão abrindo suas portas mesmo com afluência do grande público para Tibau. São os novos tempos de uma Mossoró que não mais se limita a enfrentar todo o mês de janeiro a falta de estrutura da praia que há anos adotou (?) como sua.

domingo, 9 de janeiro de 2011

A cruzada de Gustavo

Sem tempo perder, o chefe de gabinete da prefeitura de Mossoró, Gustavo Rosado cumpre neste veraneio uma cruzada política de fazer inveja, a qualquer comandante de batalha, de Marco Polo a Napolão Bonaparte: trazer de volta ao aprisco governista algum, ou melhor, alguns dos vereadores rebelados da bancada situacionista. São alvo neste momento - necessariamente nesta ordem: Zé Peixeiro (PMDB), Ricardo de Dodoca (PDT), Daniel Gomes (PMDB) e Francisco José Jr (PMN). De quebra, tenta trazer Jório Nogueira (PDT), atualmente na oposição mais autêntica. Ontem (sábado, 08) mesmo, aqui em Tibau, Gustavo foi visto circulando e conversando com dois deles - Jório e Ricardo - em aniversário de um familiar seu. Aliás, os dois lá estiveram a convite do próprio irmão da prefeita Fafá Rosado. Esta, seguramente, deve ser a tônica até findar a estação de veraneio. Mais que uma possibilidade, esse é um teste de fogo para saber se realmente o filho caçula de Dix-Neuft nasceu para a política.

De Tibau

Como sempre acontece todos os anos, os alpenderes de Tibau tem servido para as conjecturas políticas que podem acabar virando realidade com a chegada das "águas de março, fechando o verão". Como 2011 não é de eleição, as atenções se voltam para as consolidações de posições dos grupos hegemônicos da cidade. Daí que, o veraneio de Tibau - folga e férias para muitos - é a oportunidade de ouro para quem está querendo recuperar o tempo perdido. Agentes políticos de todas as matizes se cruzam cotidianamente diminuindo a distância, por vezes providencial e recomendada. Mas no geral, a proximidade entre as pessoas é intríseca à atividade política. Algo que lhe dá combustão. A dispensa de formalidades então, propiciada pelo calção de banho e o chinelo, coloca-se como condição si nen qua non para alcançar um nível de igualdade que não venham a refletir a real diferença entre comando e comandados, que é própria do poder. Portanto, não se engane com o acesso, a porta aberta, a rede estendida, a dose no copo, o churrasco no espeto, oferecidos que são nestes tempo de veraneio e devaneios, em que Tibau vira a aldeia de todos nós. Isto também é poder. Mas também é efêmero.

sexta-feira, 7 de janeiro de 2011

De transferência

Por falar em Câmara Muncipal, é de sua calçada que também partem lances de pura comédia todas as manhãs. Como ninguém está imune às provocações  e investidas do ex-candidato a vereador Zé Maria, o chamado "Mala Véia", que é quase um presidente do legislativo sem mandato (pois é, já tinha ouvido falar em vereador sem mandato, mas presidente!!??), dado o seu grau de conhecimento do que acontece nos bastidores daquela casa, vez ou outra, aparece um por lá para tentar tirá-lo de tempo e devolver na mesma moeda. E numa dessas, um certo transeunte alfineta-o dizendo que no primeiro ato da governadora recem-empossada, Rosalba Ciarlini, iria mexer com o "Mala". "A primeira coisa que a governadora vai fazer é lhe transferir, Mala Véia!!!". Ao que ele Retrucou sem pestanejar, "Só se for daquí!", referindo-se e apontando para calçada da CMM, onde aporta diariamente. "Eu não tenho emprego no governo, não. Cê besta!!", vociferou. Ora, pois. Se Mala Véia tiver que dá algum expediente em algum outro lugar, quem danado vai fiscalizar o trabalho dos nossos vereadores tão de pertinho, sem remuneração e sem faltar um só dia. Aparece cada uma!!!

De segredo

É cada vez mais defendida pelos observadores da cena política local a tese de que existe um segredo muito forte para, até aqui, nenhum dos vereadores que compõem o chamado G7 - vitoriosíssimo na última eleição para a presidência da Câmara Municipal de Mossoró - tenham cedido aos encantos do poder, leia-se Palácio da Resistência. Principalmente por parte do sub-grupo tido como independente, denominado G4. Episódios como o que deixou o vereador Zé Peixeiro (PMDB) "meio sem jeito" ao atender ligações em plena sessão, cujas "orígens" são atribuídas ao chefe de gabinete Gustavo Rosado tentando demovê-lo da idéia da manutenção da união que colocou o governo em xeque na votação do orçamento, tende a ser nos próximos meses coisa de rotina. A novidade tem sido a recusa. Historicamente, um ou outro queda-se ante à tentação de cargos e outras vantagens. Daí que não se vai muito longe para ouvir afirmações a partir da calçada da câmara dando conta da existência de um segredo guardado a sete chaves, de extremo valor econômico e humano, que segura "os cabra". Cá de minha banda, prefiro acreditar na força da crença comum do G7 em um Legislativo independente, soberano e probo. Tenho dito!

terça-feira, 4 de janeiro de 2011

Câmara Realiza Sessão extraordinária

Após ver suspensas as sessões ordinárias da Câmara Mnicipal em virtude da mudança de comando da casa, a população volta a ter a oportunidade de assistir as discussões em torno das diversas questões do município, rincipalmente a que trata do Orçamento do Município para 2011 que ainda não foi votado. Eis a nota de convocação emitida para imprensa:



O presidente da Câmara Municipal de Mossoró, Francisco José Júnior (PMN), convocou sessão ordinária para esta quinta-feira (6), às 9h, no plenário da Casa. O edital de convocação foi publicado nesta terça-feira (4), com base no artigo 26 do Regimento Interno da Câmara.


Segundo o presidente Francisco José Júnior, a sessão servirá para apreciação e deliberação das matérias em pendência nas pautas de votação remanescentes de 2010, com observância da prioridade ao Projeto de Lei que trata da questão orçamentária da Prefeitura de Mossoró.










Câmara Municipal de Mossoró


Palácio Rodolfo Fernandes


Rua Idalino de Oliveira, s/n, Centro


www.cmm.rn.gov.br






Assessoria de Comunicação


Luziária Machado


8818-6939


Regy Carte


8874-8998



segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

Francisco José Jr assume presidência da Câmara

Em clima de paz e harmonia, acontece neste momento a posse do novo presidente da Câmara Muncipal de Mossoró, Frasncisco José Jr (PMN). Registra-se a presença das diversas autoridades do município, dentre elas, da prefeita Fafá Rosado, que se faz acompanhar do seu chefe-de-gabinete e irmão Gustavo Rosado e da vice-preefeita Ruth Ciarlini. Francisco José Jr. recebe o cargo do atual presidente da casa, vereador Claudionor dos Santos (PDT), com quem travou forte embate nos últimos meses para ver concretizado o resultado da lógica em qualquer poder legislativo: a soberania da maioria. Ponto para  a democracia, quando mesmo com o récem acirramento de ânimos se viu a tranquilidade reinar e vimos uma civilizada condução dos trabalhos. Ausência registrada da quase totalidade da chamada bancada situacionista à excessão do próprio Claudionor e da vereadora Maria das Malhas, pois não se fizeram presentes - até o presente momento - a vereadora Cláudia Regina (DEM) e os vereadores Francisco Berzerra de Maria (DEM), Chico da Prefeitura (DEM) e Flávio Tácito (PSL).