domingo, 30 de junho de 2013

O campeão voltou! Brasil atropela a Espanha no Maracanã: 3 a 0

Vitória, com dois gols de Fred e um de Neymar, dá à Seleção seu quarto título da Copa das Confederações. Espanha estava invicta há 29 jogos



Por Alexandre Alliatti Rio de Janeiro (G1)

Não tem balança que defina o peso de uma camisa. Tradição não se mede com uma régua, não se calcula com uma máquina. Mas existem Campeões, com letra maiúscula, e campeões. Existem Seleções, com letra maiúscula, e seleções. E existem pentacampeões. Com vitória de 3 a 0 no Maracanã, o Brasil mostrou ao (ex?) melhor time do mundo que não é da noite para o dia que cinco estrelas vão parar em um peito. Fred, destruidor, marcou duas vezes. Neymar, eleito o melhor em campo, fez o outro. O Brasil é campeão da Copa das Confederações pela quarta vez. Campeão em uma noite em que a torcida resumiu tudo ao gritar:

- Ôoooo, o campeão voltou! O campeão voltou!
O campeão voltou jogando um absurdo. David Luiz talvez tenha feito a melhor partida da vida. Neymar foi infernal como poucos sabem ser. Hulk assinou seu atestado de permanência no time. E Fred foi Fred, foi matador, foi aquele sujeito que nasceu para vestir a 9.
Um dia cairia a casa da Espanha, esse timaço que tanto, e a tantos, encantou nos últimos anos. A Roja não perdia há 29 partidas - consideradas as oficiais. Pois aconteceu justamente contra um adversário no qual eles mesmos se espelham, contra a escola que, não por acaso, é chamada de “jogo bonito”. A Espanha, que certamente seguirá forte na Copa de 2014, foi engolida em campo. Não é exagero: foi um passeio, um baile, um chocolate. Uma vitória que a torcida novamente soube resumir:

- Oooooooooolé! Oooooooolé! Oooooooolé!

 
Um atropelamento
Fred é um caso para se estudar. Ele faz gol de pé – aos montes. Faz gol no ar – às pencas. Mas, cá entre nós, gol deitado não é em toda lua cheia que sai. Que gol. Que gol. Eram só dois minutos do primeiro tempo. Do concreto cheirando a novo do Maracanã, parecia pulsar um organismo vivo, como se o estádio fosse, por si só, um torcedor – o maior dos torcedores.

Fred gol final Brasil Espanha (Foto: Reuters) 
Fred ganha beijo de Neymar após marcar: Brasil pula na frente logo no início (Foto: Reuters)
 
Hulk recebeu da direita e mandou na área, enquanto urros de otimismo saíam das cadeiras. Fred foi na jogada. Neymar também. O camisa 9 desabou no chão. E a bola, companheira como o mais fiel dos cães, resolveu se aninhar nele. Reparemos que o jogador tinha um milésimo de segundo para pensar, feito o sujeito que precisa decidir se corta o fio azul ou o vermelho na hora de desativar uma bomba prestes a explodir. Fred foi ágil. Foi decidido. Deitado, no pequeno espaço de campo onde estava, encaixou o pé sob a bola e a ergueu. Casillas foi vencido. Gol do Brasil. Gol de Fred.
Ah, aí o Maracanã entrou numa euforia que parecia guardada nos três anos em que o estádio ficou fechado. Por uns 15 minutos, a Espanha pareceu atordoada. Paulinho, por cobertura, quase fez um gol histórico, mas Casillas salvou. Arbeloa, logo depois, levou amarelo ao evitar arrancada de Neymar que fatalmente renderia gol. Era impressionante a superioridade do Brasil.
Neymar comemoração gol final Brasil Espanha (Foto: AP)Neymar agradece aos céus: ele foi eleito o melhor em campo na grande final (Foto: AP)
 
Do outro lado, porém, estava a Espanha. Aos poucos, a Fúria começou a reagir. Voltou a ter mais posse de bola – uma tatuagem de seu futebol. Deu sinais de que poderia empatar. Iniesta bateu de fora da área, e Julio César espalmou. Pedro, livre pela direita, bateu cruzado após passe de Mata, e David Luiz (enorme em campo) cortou quase em cima da linha.
A Espanha se acalmou, entrou no jogo, enfrentou o Brasil. Mas a Seleção jamais deixou de buscar o segundo gol.  Fred bateu cruzado, para fora. Também tentou de cabeça, novamente fora do alvo. E recebeu livre, frente a frente com Casillas, mas chutou em cima do goleiro.
Enquanto isso, Neymar era arisco, envolvente, agudo. Participava dos ataques. Parecia bufar em busca de um gol. E conseguiu. Foi aos 44 minutos. Pegou a bola pela esquerda, acionou Oscar e recebeu de volta. Bom lembrar que os dois foram muito inteligentes. Primeiro o camisa 11, que, ao perceber Neymar impedido no lance, prendeu a bola. Depois, o camisa 10, ao recuar para sair da posição irregular. Foi quando Oscar rolou na medida, e Neymar nem pensou: já emendou um chute seco, forte, no ângulo. Casillas vai passar o resto da vida procurando a bola. Que pancada: 2 a 0.

Festa completa: mais um de Fred
 Gerard Pique cartão vermelho final jogo Espanha Brasil (Foto: Reuters) 
Piqué expulso por falta em Neymar. Brasil muito
superior em campo (Foto: Reuters)

E não é que tinha como ficar melhor? Veio o segundo tempo, e o Brasil logo fez mais um. Com Fred, sempre com Fred. Aos dois minutos, Hulk acionou Neymar, que teve inteligência para dar, vender e emprestar ao deixar a bola passar para o centroavante. A conclusão foi precisa, no cantinho. Casillas ainda tocou nela. Em vão: era o terceiro gol.
Acabou. A Espanha, por melhor que seja, por mais talento que tenha, não poderia virar. Mas bem que tentou. Aos oito minutos, Marcelo fez pênalti em Navas. Poderia ser a sobrevida do adversário, não fosse esse domingo um dia dedicado ao Brasil. Sergio Ramos bateu. Para fora. A torcida vibrou como se fosse gol.
O Brasil seguiu atacando. A Espanha também. Em uma arrancada verde-amarela, Piqué derrubou Neymar, seu futuro colega de Barcelona, e foi expulso. Estava aberto o caminho para mais gols.
Mas eles não saíram. O Brasil teve outras chances, inclusive em contra-ataques com quatro jogadores contra dois. Falhou em um detalhe ou outro – um conforto permitido àqueles que têm a vitória nas mãos. A Espanha, com Villa em campo, teve honradez para sempre buscar seu gol, como se estivesse 0 a 0.
Inútil. Era a noite da queda dos grandes campeões mundiais, dos grandes bicampeões europeus. Acima de tudo, era a noite do retorno do maior campeão.

jogadores brasil comemoração final copa das confederações (Foto: Alexandre Durão / Globoesporte.com)Jogadores festejam em campo após o apito final (Foto: Alexandre Durão / Globoesporte.com)

No novo Maracanã, Brasil e Espanha fazem a grande final da Copa das Confederações


O novo Maracanã vai viver neste domingo uma noite de glória, à altura das noites mais marcantes do velho Maracanã. Às 19h, Brasil e Espanha vão disputar dois títulos: um deles real, tangível, o da Copa das Confederações. O outro, simbólico, mas talvez até mais valioso, o de soberana do futebol mundial. De um lado do gramado estará aquela que é reconhecida como a melhor do planeta. Campeã mundo e bicampeã da Europa com um estilo que está marcando época, a Espanha estabeleceu uma hegemonia como há muito não se via. Do outro lado, o Brasil, ex-melhor do mundo, louco para voltar a ser reconhecido como o número um.

A partida terá um charme fora do comum porque será a primeira vez que os espanhóis vão enfrentar a seleção brasileira desde que tornaram os donos do mundo. Eles sabem que ainda falta dar um último passo para a consagração total, a "cereja do bolo": vencer os brasileiros em uma competição oficial. E melhor ainda que seja no Brasil, diante dos olhos de torcedores que têm vaiado a Espanha desde a primeira rodada da Copa das Confederações por saberem que, para voltar a dominar o futebol, a seleção pentacampeã mundial precisa superá-la.

Para o Brasil, portanto, o jogo é ainda mais importante do que para a Espanha. Por razões morais e práticas. Luiz Felipe Scolari admite que a equipe brasileira ainda está em construção e, para medir seu estágio de evolução, nada melhor do que medir forças contra os melhores. Uma vitória ao time de Felipão um certificado de qualidade valiosíssimo, ao passo que uma derrota não será para o treinador o fim do mundo. Será, isso sim, uma boa aula para superar a Espanha quando mais interessa, na Copa do Mundo do ano que vem.

Não por acaso, integrantes das duas seleções passaram os últimos dias demonstrando sua felicidade por poder participar da partida "Enfrentar o Brasil no Maracanã é um sonho de criança", disse o técnico da seleção espanhola, Vicente del Bosque. "Eu estou doido para jogar contra a Espanha", comentou Carlos Alberto Parreira, coordenador técnico da seleção brasileira, antes de saber que os espanhóis seriam o adversário do Brasil na decisão.

 
FICHA TÉCNICA

BRASIL - Julio Cesar; Daniel Alves, Thiago Silva, David Luiz e Marcelo; Luiz Gustavo, Paulinho e Oscar; Hulk, Fred e Neymar. Técnico: Luiz Felipe Scolari.
ESPANHA - Casillas; Arbeloa, Piqué, Sergio Ramos e Jordi Alba; Busquets, Xavi e Iniesta; Fàbregas, Pedro e Fernando Torres (Soldado). Técnico: Vicente Del Bosque.
ÁRBITRO - Bjorn Kuipers (Fifa/Holanda).


HORÁRIO – 19h.
LOCAL - Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ).

Marina Silva já está à frente no Sudeste e entre jovens

Quando se faz um recorte na taxa de intenção de voto de Dilma Rousseff para presidente (29% a 30%, segundo o Datafolha), nota-se que a presidente se sustenta com base em eleitores do Nordeste, mais velhos, menos instruídos e os que vivem no interior.
O cenário ainda mais provável para a sucessão de 2014 inclui Dilma, Marina Silva (Rede), Aécio Neves (PSDB) e Eduardo Campos (PSB). Eles pontuam 30%, 23%, 17% e 7%, respectivamente.

Mas veja o que acontece com os 30% Dilma Rousseff quando se estratifica o resultado:

Região: a presidente tem 45% no Nordeste contra apenas 22% no Sudeste, 27% no Sul e 28% no Norte/Centro-Oeste;
 Natureza do município: Dilma tem 24% em capitais e regiões metropolitanas e 34% em cidades do interior;
Idade: a petista tem 33% entre os eleitores de 60 anos ou mais e 27% na faixa de 16 a 24 anos;
 Escolaridade: Dilma tem 38% dos votos dos eleitores com ensino fundamental, mas só 19% daqueles que têm curso superior;
Renda familiar mensal: a presidente recebe o apoio de 36% da faixa até 2 salários mínimos e 19% no grupo que recebe mais de 10 salários mínimos.
O que tudo isso significa? Que o voto de Dilma Rousseff é bem menos homogêneo do que foi em levantamentos passados. E que os apoios estão no estrato do eleitorado que até hoje mais se beneficiou das políticas sociais petistas.

Nesse cenário (a petista contra Marina, Aécio e Campos), Dilma Rousseff já perde numericamente para Marina Silva no Sudeste (24% a 22%) e no Norte/Centro-Oeste (30% a 28%). A diferença percentual nesses casos está dentro da margem de erro, mas ainda assim é um sinal inédito para a presidente no atual ciclo eleitoral.

Entre os jovens de 16 a 24 anos, Marina Silva tem 31% contra 27% de Dilma.

No caso dos eleitores com nível superior, a diferença é grande: Marina vaia 33% contra apenas 19% de Dilma.

Eis as tabelas do Datafolha com todos esses dados (clique na imagem para ampliar) apurados no levantamento de 27 e 28 de junho, com 4.717 pessoas em 196 cidades país (e margem de erro de dois pontos percentuais para mais ou para menos).


Fonte:  www.uol.com.br

Show de Luan Santana bate recorde de público


 


















O cantor Luan Santana arrastou para a Estação das Artes o maior público da 17ª edição do Mossoró Cidade Junina, durante o show na noite desta sexta-feira, dia 28. A organização do evento estima um público superior a 100 mil pessoas, que se espalhou por todos os espaços dentro e no em torno da Estação.

As primeiras fãs do cantor nem esperaram a noite chegar para garantir o melhor espaço no pé do palco. Elas começaram a se aglomerar no alambrado montado para o espaço reservado às pessoas com necessidades especiais por volta das 17h30. Vieram com faixas, tiaras, cartazes e muita afinação no gogó para acompanhar as letras, e, cla ro, gritar pelo ídolo.

Maira Indira Marques é cearense da cidade de Limoeiro do Norte e percorreu cerca de 100 quilômetros com os pais para ver o cantor Luan Santana. Eles reservaram hotel onde suspeitaram que o cantor ficaria hospedado, ficou plantado desde às 18 horas próximo ao palco para garantir o lugar e ainda participaram de promoções para na esperança de chegar mais perto do cantor e, assim, garantir uma foto.

“Ele não ficou onde eu e meus pais ficamos, nem consegui ganhar a promoção, mas vi o show de um lugar privilegiado, bem pertinho. Ele é lindo e eu sou apaixonada por ele”, defendia Maira sua admiração pelo sertanejo.

O público que lotou a Estação, também nos camarotes, que desde meados da tarde já tinha esgotado a venda de entradas, cantou sucessos como “Meteoro da Paixão&rd quo; e “Te esperando”, canções que se tornaram hits Brasil afora e grandes audiências nas rádios e televisão. O sucesso do fenômeno sertanejo pode ser aferido, por exemplo, pelas suas redes sociais. Somente no microblog Twitter são mais de 4,5 milhões de seguidores.

O show de Luan Santana foi antecedido pela apresentação das bandas O Som da Nata e Andrade Júnior. Logo após apresentação de Luan, a noite será finalizada com a participação da dupla Gianini e Thábata.

Promoção – Antes de subir ao palco, o cantor recebeu a prefeita Cláudia Regina, a quem parabenizou pela organização da festa e se disse encantado por Mossoró. Luan Santana também recebeu no camarim as três vencedoras da promoção “Quer conhecer o seu ídolo Luan Santana?&rdqu o;, promovida nas redes sociais do evento.

Andressa Lima, Jucilene Mendes, Karen Guerra tiveram a sorte de realizar o sonho de chegar pertinho do fã. A última ganhadora, por exemplo, veio acompanhada dos pais da cidade de Caucaia, no Ceará para o show e foi surpreendida com o resultado. “Estou realizando um sonho. Vinha assistir o show quando soube da promoção e resolvi participar, daí fui uma das vencedoras”, comemora Guerra.

Buffon brilha na disputa de pênaltis, e Itália é 3ª na Copa das Confederações

Depois de um jogaço que terminou empatado em 2 a 2 após 120 minutos, Buffon pega três pênaltis e garante o 3º lugar para a Itália

Gianluigi Buffon comemora o terceiro lugar da Copa das Confederações com Bonucci e Gilardino,
Como já havia acontecido na última quinta-feira, em que foi eliminada nas semifinais pela Espanha, a Itália se viu em uma disputa de pênaltis neste domingo, mas desta vez conseguiu um final mais feliz ao derrotar o Uruguai por 3 a 2 na Arena Fonte Nova e ficou com o terceiro lugar da Copa das Confederações.
Como costuma acontecer em disputas de terceira e quarta posições, o jogo em Salvador foi aberto e terminou empatado em 2 a 2 no tempo normal. A igualdade foi mantida na prorrogação, e o duelo foi decidido nas penalidades, em que o goleiro Gianluigi, com três defesas, duas delas firmes, foi a grande estrela.

O Uruguai teve praticamente o mesmo time que foi derrotado pelo Brasil na última quarta-feira. A única troca foi no meio-campo, onde Gargano ganhou a vaga de Pérez. A 'Azzurra', por sua vez, teve três novidades: o zagueiro Astori, o meia Diamanti e o atacante El Shaarawy.
Mesmo acusando o calor e Salvador, as duas equipes fizeram um jogo movimentado no começo. A equipe sul-americana também atacou, mas quem criou mais chances e abriu o placar foi a tetracampeã mundial.
Aos 23 minutos do primeiro tempo, Diamanti cobrou falta encobrindo Muslera, a bola bateu na trave, no goleiro e Astori, em cima da linha, apareceu para completar.
A seleção uruguaia chegou a balançar a rede na primeira etapa, aos 31, mas Cavani, que completou de cabeça para a rede, foi flagrado e impedindo. No entanto, o jogador do Napoli não desistiu de deixar o dele e foi premiado aos 12 do segundo tempo. Suárez partiu no contra-ataque e serviu o camisa 21, que superou Buffon com um chute rasteiro cruzado e empatou.
A partir daí, a 'Celeste' passou a atacar mais, mas quem marcou o segundo foi a Itália. Diamanti teve nova falta para cobrar, aos 28 minutos, desta vez de frente para a meta, e acertou o canto esquerdo de Muslera, que não alcançou.
Na mesma moeda, o campeão da última Copa América conseguiu nova igualdade, cinco minutos depois. Cavani cobrou a infração com categoria, mas não muito no canto. Buffon foi na bola, mas não conseguiu evitar que ela entrasse e que houvesse tempo extra.
Na prorrogação, os uruguaios se mostraram mais inteiros e atacaram mais, embora o goleiro da Itália não tenha tido grande trabalho. Um dos principais lances não foi um perigo de gol, mas uma polêmica: aos 11 minutos do primeiro tempo, invadiu a área pela esquerda, caiu e pediu pênalti. O árbitro, o argelino Djamel Haimoudi marcou tiro de meta.
A 'Celeste' ainda ficou por cerca de dez minutos com um homem a mais, depois que Montolivo fez falta mais dura em Suárez, recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso. Contudo, a vantagem numérica não foi transformada em gol. Na última tentativa, aos 14 da etapa final, Buffon fez grande defesa em chute de Gargano e, no rebote, Cavani mandou à esquerda do alvo.
Nas penalidades, Forlán, que já havia errado uma na semifinal, contra o Brasil, parou em Buffon logo na primeira tentativa do Uruguai. Muslera ainda pegou a terceira da Itália, batida por De Sciglio, mas Cáceres e Gargano também tiveram seus chutes defendidos, e a 'Azzurra' garantiu um lugar no pódio. Os sul-americanos, por sua vez, repetiram sua colocação na Copa do Mundo de 2010.

* Yahoo Notícias

sábado, 29 de junho de 2013

TJRN isenta Inase de problemas no Hospital da Mulher

O Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte, através do desembargador Expedito Ferreira, isentou o Instituto Nacional de Assistência à Saúde e à Educação (INASE) de qualquer responsabilidade relacionada ao Hospital da Mulher Parteira Maria Correia. A entidade administrou recentemente a unidade hospitalar antes de ela passar por uma intervenção judicial que se encerrará na próxima semana.
No entendimento do magistrado, os problemas que resultaram na intervenção não podem ser atribuídos ao Inase.
A decisão judicial, publicada na última quinta-feira, 26, também determina que não sejam atribuídas obrigações em nome do Inase, pois a participação do Instituto na gestão do Hospital da Mulher foi inviabilizada pela falta de pagamento por parte do Governo do Estado do Rio Grande Norte.
Deve ser “afastada a constituição de qualquer obrigação em nome do Instituto Nacional de Assistência à Saúde e à Educação (INASE), devendo as contas bancárias, contratos, notas fiscais e demais encargos inerentes ao pacto serem formalizados indicando a designação apenas do contrato acima especificado”, relatou o Expedito Ferreira.
Em seu despacho, o desembargador entende que imputar qualquer acusação ou responsabilidade ao Inase é inadequado, e “poderá trazer para referida instituição gravame indevido.” O magistrado determina, ainda, a continuidade da interdição judicial no contrato de gestão nº 001/2012, referente ao Hospital da Mulher, considerando que o Governo do Estado não tem condições de gerir, sem parceria, a unidade de saúde.
A decisão judicial reafirma a legalidade de todos os atos do instituo.  Mesmo tendo ficado três meses e meio sem receber repasses financeiros da Secretaria de Estado da Saúde Pública (SESAP), a direção do Inase deixou a gestão do Hospital da Mulher tendo cumprido todas as obrigações contratuais.

Médicos organizam protesto contra contratação de profissionais estrangeiros

Representantes da classe médica do Estado se reuniram  ontém, 28, na sede do Sindicato dos Médicos, em Natal. O objetivo do encontro foi discutir como a categoria vai se mobilizar em relação à contratação de profissionais estrangeiros para atuarem no Brasil.
De acordo com o responsável pela Delegacia da Federação Nacional dos Médicos (FENAM) em Mossoró, o anestesiologista Ronaldo Fixina, a previsão é de que seja realizado um protesto contra a iniciativa no dia 1º de julho em Natal, em conjunto com outras mobilizações, e outro ato no dia 3 de julho, que ocorreria em Natal e Mossoró.
“A gente não concorda, de jeito nenhum, por vários motivos”, afirma Fixina.
O médico questiona o porquê de o Ministério da Saúde querer trazer para o Brasil médicos que estão sem trabalhar em seus países de origem e que não poderão ser submetidos a uma prova do Conselho Regional de Medicina para validar o seu diploma.
Ele aponta ainda como objeções a diferença de idiomas e de doenças típicas dos países.
O médico afirma ainda que se o salário prometido a esses médicos, no valor de R$ 22 mil, for pago em dia, há profissionais no país que assumiriam as vagas nas cidades do interior. A orientação do sindicato é de que as vagas sejam cedidas, primeiramente aos profissionais recém-formados no Brasil.
Fixina diz que a categoria já era contrária ao Programa de Valorização do Profissional da Atenção Básica (PROVAB), que coloca os médicos recém-formados em cidades do interior e confere a esses profissionais pontuação superior aos demais nas residências médicas. Ele também informa que os médicos formados no Brasil não podem exercer a profissão em Cuba.

 *Fonte: Gazeta do Oeste

Popularidade de Dilma cai 27 pontos após protestos

Pesquisa Datafolha finalizada ontem mostra que a popularidade da presidente Dilma Rousseff desmoronou.

A avaliação positiva do governo da petista caiu 27 pontos em três semanas.

Proposta de plebiscito tem apoio de 68%

Hoje, 30% dos brasileiros consideram a gestão Dilma boa ou ótima. Na primeira semana de junho, antes da onda de protestos que irradiou pelo país, a aprovação era de 57%. Em março, seu melhor momento, o índice era mais que o dobro do atual, 65%.

A queda de Dilma é a maior redução de aprovação de um presidente entre uma pesquisa e outra desde o plano econômico do então presidente Fernando Collor de Mello, em 1990, quando a poupança dos brasileiros foi confiscada.

Naquela ocasião, entre março, imediatamente antes da posse, e junho, a queda foi de 35 pontos (71% para 36%).

Em relação a pesquisa anterior, o total de brasileiros que julga a gestão Dilma como ruim ou péssima foi de 9% para 25%. Numa escala de 0 a 10, a nota média da presidente caiu de 7,1 para 5,8.

Neste mês, Dilma perdeu sempre mais de 20 pontos em todas regiões do país e em todos os recortes de idade, renda e escolaridade.

O Datafolha perguntou sobre o desempenho de Dilma frente aos protestos. Para 32%, sua postura foi ótima ou boa; 38% julgaram como regular; outros 26% avaliaram como ruim ou péssima.

Após o início das manifestações, Dilma fez um pronunciamento em cadeia de TV e propôs um pacto aos governantes, que inclui um plebiscito para a reforma política. A pesquisa mostra apoio à ideia.

A deterioração das expectativas em relação a economia também ajuda a explicar a queda da aprovação da presidente. A avaliação positiva da gestão econômica caiu de 49% para 27%.

A expectativa de que a inflação vai aumentar continua em alta. Foi de 51% para 54%. Para 44% o desemprego vai crescer, ante 36% na pesquisa anterior. E para 38%, o poder de compra do salário vai cair --antes eram 27%.

Os atuais 30% de aprovação de Dilma coincidem, dentro da margem de erro, com o pior índice do ex-presidente Lula. Em dezembro de 2005, ano do escândalo do mensalão, ele tinha 28%.
Com Fernando Henrique Cardoso (PSDB), a pior fase foi em setembro de 1999, com 13%.

Em dois dias, o Datafolha ouviu 4.717 pessoas em 196 municípios. A margem de erro é de 2 pontos para mais ou para menos (RICARDO MENDONÇA)

Fonte:  UOL.COM.BR

sexta-feira, 28 de junho de 2013

Correio da Tarde se despede de seus leitores

Depois de sete anos de circulação o jornal vespertino Correio da Tarde saiu hoje, 28,com a sua última edição, despedindo-se de seus leitores.

O periódico, que nesceu com a marca do arrojo e da ousadia, incialmente veio a cricular nas duas principais cidades do RN - Natal e Mossoró - com duas  capas distintas e mateve por algum tempo duas redações.

O projeto do Correio da Tarde - talvêz único no Brasil - não vingou por muito tempo no que tange o "abraço" aos dois mercados.

Mas, mesmo resumindo-se a sua cidade-berço - Mossoró - sustentou por todo este tempo a autenticidade e essência de sua proposta.

Um jornal único, que fez o entardecer do mossoroense um pouco mais rico de leitura e informação, com as notícias, análises e enfoques dadas no mesmo dia em que os fatos aconteciam.

Um projeto ousado por sí só, em se tratando de um desafio estenuante como este, que é colocar um jornal diariamente  nas ruas.

Quem um dia ensaiou dar vida mensal ou semanal que seja a um rebento destes sabe muito bem do que estamos falando. Que dirá, todos os dias, religiosamente

Durou bem, até enquanto esteve ao alcance de seus diretores.

Vão daquí os parabéns ao seu comandante-em-chefe, Walter Fonseca, e toda a sua equipe pela missão honrosamente cumprida até aqui.

Tenho certeza que para quem faz a comunicação com amor - como vocês fizeram - os sonhos não mudam.

Eles continuam os mesmos.

Projeto de Larissa é aprovado para proteger estudantes


Assembleia institui disque-denúncia para bullying na escola

Alunos poderão comunicar casos de bullying na escola através de disque-denúncia. A criação do serviço foi aprovada no plenário da Assembleia Legislativa, ontem (27), por iniciativa da deputada estadual Larissa Rosado (PSB).
Bullying designa atos de violência física ou psicológica, intencionais e repetidos, e são comuns no ambiente escolar. Mas, poucos conseguem relatar os casos para providências, o que levou Larissa a apresentar o Projeto de Lei.
“Estamos criando esse canal para que os estudantes possam denunciar essas situações e alguma coisa seja feita. Porque, se nenhuma medida for tomada, o jovem pode carregar traumas para o resto da vida”, justifica a deputada.

Teleatendimento
A intenção, segundo Larissa, é resolver o problema na origem e evitar situações extremas, como na Escola Municipal Tasso da Silveira (RJ), onde ex-aluno, vítima de bullying, matou 12 crianças e feriu mais dez estudantes, em 2011.
O projeto institui atendimento telefônico gratuito para vítimas de bullying nas escolas públicas e privadas do Rio Grande do Norte. A denúncia será encaminhada para apuração, e a identidade do denunciante, preservada.
Após aprovação na Assembleia, a matéria segue para sanção. “Esperamos que o Governo do Estado seja sensível ao serviço, respeite a decisão dos deputados e sancione a lei, porque é uma necessidade das escolas”, conclui Larissa.
Imagem inline 1
Deputada Larissa no plenário: mais um projeto aprovado
(Foto: Eduardo Maia)

Mutirão Social atua nos Pintos contra a Dengue



 



















Os moradores dos Pintos receberam na manhã desta sexta-feira, dias 28, a comitiva de combate ao mosquito da dengue em mais uma edição do Mutirão Social. A ação conjunta da Subsecretaria da Gestão Ambiental, em parceria com as secretarias da Saúde, Educação e Desporto, Desenvolvimento Social e Juventude e subsecretaria de Serviços Urbanos visita semanalmente bairros das cidades mais expostos aos altos índices de infestação do mosquit o.

A concentração aconteceu na Praça Central do bairro, com a conclamação dos organizadores aos moradores para que atendessem os agentes de endemias e colaborassem com a campanha.

A equipe percorreu as principais ruas e, no final, os alunos da Escola Júlio Uchoa realizaram uma apresentação de Fanfarra. A Unidade escolar dispõe de um Núcleo de Educação Ambiental, o que facilita na conscientização sobre o combate ao mosquito transmissor da Dengue.

Assim como em todas as edições anteriores, os agentes de endemias distribuíram mudas repelentes e a Secretaria do Desenvolvimento Urbano repetiu a coleta do lixo. Os jovens assistidos pela Secretaria de Desenvolvimento Social têm papel estratégico na ação. “Eles são multiplicadores de informação para os moradores”, explica Ma irton França, titular da subsecretaria da Gestão Ambiental. “A capacitação através de oficinas conta com orientações sobre as medidas de combate ao Mosquito, mas também outras noções ambientais que passam por paisagismo, e condicionamento adequado do lixo”, elenca ele.

O Mutirão Social começou pelo Bairro Santo Antônio, chegou às Barrocas e se estenderá por outros pontos da cidade. “A ação contra a Dengue tem que ser diária e a nossa preocupação é constante. A iniciativa condiz com o nosso slogan que conclama toda a população para somar esforços na melhoria da qualidade de vida”, defende a prefeita Cláudia Regina.

Incêndio destruiu o Laboratório de Química na Uern

Incêndio em labotarório da Uern - Foto Arimateia Silva
Por:  Ismael Sousa
 
Um incêndio na tarde desta sexta-feira (28) destruiu parte do laboratório de química da Universidade Estadual do Rio Grande do Norte. O fogo foi detectado por alguns funcionários da universidade, e no momento não tinha estudantes no interior da sala.

Professores assustados pediram para que alunos não se aproximassem da fumaça. Equipes do Corpo de Bombeiros foram acionadas para controlar as labaredas. O fogo atingiu o teto fazendo ceder. Vários equipamentos, computadores foram completamente destruídos.

Os bombeiros não informaram os motivos do incêndio, porem, alguns funcionários chegaram a relatar que possivelmente um curto circuito teria iniciado o fogo.

Seminário do TCE encerra abordando a transparência na gestão municipal


Foi encerrado nesta quinta-feira (27) o Seminário “Práticas de uma Gestão Municipal Responsável”, que teve início na ultima quarta-feira (26) e contou com a participação de prefeitos, vereadores e demais gestores municipais. A programação foi concluída com a apresentação do painel “Acesso à Informação e o portal da transparência”. O assunto foi apresentado e debatido pelo presidente da Federação das Câmaras Municipais (Fecam/RN), Francisco José Júnior; o conselheiro do TCE/RN, Carlos Thompson; o procurador Luciano Ramos (MPJCE); o presidente da Federação dos Municípios do RN (Fermurn), Luis Benes Leocádio; a representante da Controladoria Geral da União no RN, Viviane e o servidor do Tribunal de Contas da União (TCU), Cleber da Silva Menezes.





Presidindo a mesa, o conselheiro do TCE/RN, Carlos Thompson, apresentou aos gestores municipais presentes no evento esclarecimentos a cerca de uma gestão transparente e a importância de pratica-la. O Presidente da Fecam/RN, Francisco Jr., justificou que a gestão transparente é fundamental tanto nas questões técnicas, bem como, no que diz respeito às Leis. “Quanto mais praticamos uma gestão transparente, menos seremos cobrados. E, por outro lado passamos a dividir mais a responsabilidade com a população que passa a nos ajudar a fiscalizar e fomentar o crescimento no município”, disse o Francisco Jr. durante a sua palestra.



Na oportunidade o presidente da Fecam/RN, relembrou práticas desenvolvidas pela atual gestão que buscam a transparência nas atividades executadas pelo legislativo municipal, como a orientação gratuita as câmaras municipais associadas que não conseguiram se adequar à Lei da Transparência Nacional (LC 131/2009). Outra ação destacada foi a entrega dos regimentos internos atualizados, com informações sobre a obrigatoriedade de dar transparência aos atos e contas das casas legislativas aos vereadores. “Dentre as novas implementações no regimento das casas do legislativo municipal estamos tentando decretar o fim do voto secreto, uma realidade na Câmara de Mossoró, que pretendemos estender a todo o Estado”, ressaltou Francisco Jr. durante a apresentação das modificações aplicadas ao regimento.



O presidente da Fecam/RN também parabenizou o TCE/RN pela realização do evento, que contou com o apoio da federação. "Este evento foi uma oportunidade fundamental para aprender um pouco mais sobre como praticar uma gestão mais responsável e transparente em nossos municípios. Ficamos felizes com a grande adesão dos vereadores do Rio Grande do Norte, que demonstram a cada dia mais interesse em crescer como gestor", concluiu o presidente da Fecam/RN. 
       

CNJ determina aposentadoria compulsória de Rafael Godeiro e Osvaldo Cruz


O voto do conselheiro Jorge Hélio Chaves de Oliveira, relator do processo que tramita no Conselho Nacional de Justiça (CNJ), foi seguido à unanimidade pelos demais conselheiros do CNJ. Em seu voto, ele defendeu a aposentadoria compulsória dos desembargadores Osvaldo Cruz e Rafael Godeiro.

Os magistrados eram suspeitos de participação em esquema fraudulento na Divisão de Precatório do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJRN). O processo tramitava desde 13 de abril de 2012.

Em relação a Rafael Godeiro, a aposentadoria por idade impede punição na esfera administrativo-disciplinar. Mas, mesmo assim, o conselheiro pediu a aplicação da aposentadoria compulsória. Com a decisão, ele, que já estava aposentado por idade fica proibido de exercer a advocacia e cargos em comissã

Vereadores "Constituintes" são homenageados pela Cãmara



A Câmara Municipal de Mossoró realizou, nesta sexta (28), a Sessão Solene em Homenagem aos Vereadores que promulgaram a Lei Orgânica de Mossoró. Compareceram à Sessão, além dos ex-vereadores, amigos e familiares dos edis, além de autoridades de Mossoró.

O presidente da Casa, Francisco José Jr. (PSD), teve a oportunidade de homenagear ao pai, Francisco José Lima Silveira, um dos vereadores da constituinte mossoroense. Para o atual presidente da Câmara, a cerimônia serviu para prestar uma homenagem aqueles que “serão eternamente vereadores desta Casa”, como disse. Como mais um tributo aos ex-vereadores, será confeccionada e instalada na Câmara de Mossoró uma placa para ficar eternizar os edis da constituinte.

Os ex-vereadores receberam comenda na forma de um diploma de reconhecimento. Os homenageados foram os seguintes: Antônio Fernandes Duarte; Antônio Tomaz Neto; Cláudio Rodrigues da Silva; Davi Lima de Santana; Paulo Fernandes de Oliveira; Francisco de Assis Vieira Fernandes; Francisco Bezerra de Maria (in memorian); Francisco Dantas da Rocha; Francisco José Lima Silveira; Francisco Silmar da Silveira Borges; Gidel Gomes de Carvalho; Janúncio Soares da Silveira; Joalba Vale; João Newton da Escóssia Júnior; Lupércio Luiz de Azevedo; Mateus Justino Carreiro (in memorian); Marcos Antonio de Oliveira Medeiros; Milton Carlos Rodrigues da Silveira; Nivaldo Dantas; Pedro Fernandes Pereira; Vicente de Souza Rêgo.

Ministra absolve Larissa Rosado por multas de propaganda antecipada

Larissa é absolvida pelo TSELarissa é absolvida pelo TSE 






















O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) reformulou três decisões do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) de multas por suposta propaganda eleitoral antecipada da deputada estadual Larissa Rosado (PSB) na apresentação de programa na FM 93.
 

A decisão monocrática nos três casos é da ministra Luciana Lóssio, que entendeu que a parlamentar não faz uso eleitoral do programa de rádio em que presta contas do mandato.
 

Na primeira multa, Larissa falar sobre problemas de alguns bairros. Veja o que escreveu a ministra ao reformar a decisão do TRE."Nos dizeres transcritos pelo TRE/RN, vislumbra-se apenas o tratamento de temas de interesse comunitário, não se verificando associação com o pleito eleitoral que seria realizado em seguida e nem argumentos para ressaltar as qualidades da responsável pelo programa e denegrir a imagem de adversários políticos. 

Segundo a jurisprudência do TSE, esses elementos são essenciais para a configuração de propaganda eleitoral antecipada, já que, para tanto, não basta a mera realização de críticas e o tratamento de matérias de interesse político-comunitário. Nesse sentido", alegou.
 

Na segunda ação, Larissa fora multada por falar que receber o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) é um direito dos servidores municipais. Os argumentos do acórdão do TRE não convenceram a ministra. "Vislumbra-se apenas o tratamento de temas de interesse comunitário, não se verificando associação com o pleito eleitoral que seria realizado em seguida, nem argumentos para ressaltar as qualidades da responsável pelo programa e denegrir a imagem de adversários políticos", entendeu a ministra.
 

Na terceira decisão, Larissa fora punida por apresentar a prestação de contas das proposições dela na área de segurança e por comentar alguns problemas na saúde como a falta de médicos. A ministra entendeu como normal os comentários da parlamentar. "Não se verificando nas provas mencionadas pelo acórdão recorrido elementos que fossem capazes de autorizar o reconhecimento da prática de propaganda eleitoral antecipada, ele merece ser reformado e, com isso, julgada improcedente a representação pela prática de propaganda eleitoral antecipada", argumentou.

Fogo no laboratário de química da Uern

Informações que nos chegam dão conta de um incêndio ocoorido agora a pouco no laboratário de química da Uern.

Carro do Corpo de Bomeiros já estararia no local para controlar o fogo.

Voltaremos!

Manifestantes bloqueiam RN 013 e cobram a retomada da obra de duplicação

Foto: Carlos Costa
 
*Carla Albuquerque / Da Redação De Fato.com

Os taxistas e comerciantes de Grossos, Tibau e Icapui bloqueiam desde ás 05h desta sexta-feira 28, o acesso à RN 013, na altura do entroncamento da BR 304, onde está o trevo que deriva para o Estado do Ceará.
O movimento tem o objetivo de chamar a atenção do Governo do Estado, para se pronuncie sobre a paralisação das obras de construção da duplicação da RN 013.
De acordo com Mario Ilo, um dos organizadores do movimento há dois meses a obra esta parada e vem causando prejuízos aos taxistas dos três municípios que trafegam diariamente pelo trecho. A obra de duplicação da RN013 teve inicio em agosto de 2012 e a previsão de entrega era agosto deste ano.
“Queremos saber se há perspectiva de retomada das obras ainda este ano, e qual será o novo prazo para o término da construção, já que não existe a menor condição da entrega da obra ocorrer no mês de agosto conforme o que reza o contrato” destaca Mario Ilo.
Participam da manifestação taxistas, comerciantes, vereadores de Tibau e Grossos além de barraqueiros e donos de pousadas,  que são prejudicados diretamente com a paralisação da obra.
Segundo o taxista da cidade de Tibau, Mauro José são grandes os prejuízos causados pela paralisação da obra “Já tive que comprar quatro pneus e cheguei a gastar R$ 800 com problemas no carro provocados pela buraqueira da estrada isso é um absurdo” afirma o taxista.
Transtornos também são sentidos pelos barraqueiros e comerciantes de Tibau, pois muita gente tem deixado de ir à Tibau nos finais de semana e feriados, em consequência das condições em que se encontra  a estrada que oferece riscos de acidentes de trânsito, de assaltos pela pouca velocidade desenvolvida, desconforto  e  depreciação do veículo.
Muitos motoristas que vinham com produtos para descarregar em Mossoró reclamam da paralisação. Elmir Backes motorista de Fortaleza diz que sai prejudicado, pois se não conseguir chegar a Mossoró só poderá descarregar segunda- feira o que pode prejudicar o frete.
Membros do Movimento Sem Terra também se juntaram ao movimento protestando sobre as péssimas condições da estrada.
Os manifestantes aguardam a presença de um representante do governo do estado para dar uma resposta em relação a paralisação da obra. Dizem que se ninguém responsável aparecer o protesto continua.
Ao De fato.com, o Diretor do Departamento de Estradas e Rogagens, Demétrio Torres, disse que a construtora CLC, responsável pela obra, irá realizar a manuntenção da estrada e as obras serão retomadas no próximo dia 15 de julho.

Burburinho - A Festa!

O Burburinho, bar que fez suceso entre o  público jovem mossoroense em meados dos anos a 80, será tema de festa que o colunista Christian de Saboya promoverá no próximo 12 de julho às 22;30H, no Requinte Buffet.

O Burburinho Bar tinha à época como um dos seus organizadores o atual secretário de culturra do município, Gustavo Rosado, e tinha como principal característica a irreverência numa época em que se cultuava à liberdade e a não "libertinagem", como nos dias de hoje.

Na verdade, era a irreverência da inocência.

Índices de violência? quase zero. Agora, cenas de amores ardentes nos corredores do banheiro... 

As "minas" de hoje eram alcunhadas de "queijinhos", "massinhas", "anjinhas" etc.

Sem dúvidas o Burburinho - o qual frequentamos, por vezes - foi um marco na vida norturna da cidade.

De lá para cá, Mossoró passou a ousar um pouco mais em termos de ofertas de entrenimento voltada para um público mais jovem e sedento pelo novo.

Foi quando surgiram também, No Meio do Mundo, Acapulcos, Papel Marchê, Musical 145, entre outros.

Mas tá fatando um: Djalma Bar. Quem em sã consciência, que tenha mais de 40, negaria que já fez um dia  um "vale" por ter degustado por lá um bom coração de boi assado tentando conquistar outro -  , tendo a lua como testemunha.

Era assim mesmo, graças a Djalma Bar a turma jovem podia andar sem dinheiro e mesmo assim "curtia" a noite.

Embora, no outro dia, Djalma já tivesse lá, "na cola". 

Este também marcou época e merece ser tema de uma grande festa.

Quem se habilita?

Burburinho - A festa -, certamente, será um sucesso e para variar deve ensejar à realização de outras deste naipe, em que se revive os tempos bons e nem tão distantes assim.

Massa!

 


Câmara faz homenagem aos vereadores "constituintes" de 1989


Acontece hoje (sexta-feira, 26), a Sessão Solene em Homenagem aos Vereadores que elaboraram e promulgaram a Lei Orgânica de Mossoró, em 1989. O evento ocorrerá às 9h da manhã no Plenário da Câmara de Mossoró.

  
HOMENAGEADOS:

Thomaz Neto (Presidente da Constituinte Municipal em 1989)
Antônio Duarte (Presidente da Câmara Municipal em 1989)
Cláudio Rodrigues,
Davi Santana,
Paulo Fernandes,
Diassis Vieira,
Francisco Bezerra de Maria (Chico Dentista),
Chico da Prefeitura,
Francisco José,
Joalba Vale,
Gidel Gomes,
Marcos Medeiros,
Mateus Justino,
Nivaldo Dantas,
Pedro Fernandes,
Vicente Rêgo,
Carlinhos Silveira,
Chico Borges,
Lupércio Luiz de Azevedo,
Júnior Escóssia,
Janúncio Soares.

quinta-feira, 27 de junho de 2013

Nos pênaltis, Espanha bate Itália e pega o Brasil para fazer a final mais esperada dos últimos anos

A facilidade encontrada na final da última Eurocopa, ocasião na qual a Espanha triturou a Itália e venceu por 4 a 0, não se repetiu nesta quinta-feira (27), em Fortaleza, no jogo que definiu o adversário do Brasil na final da Copa das Confederações. Mesmo no sufoco, no entanto, a Fúria manteve a escrita e despachou a Squadra Azzurra: 7 a 6, nos pênaltis, após empate sem gols no tempo normal e na prorrogação.

A partida desta quinta mostrou que a badalada equipe ibérica não é imbatível, e que é possível para os comandados de Felipão sonhar com o título da Copa das Confederações no confronto de domingo (30), no Maracanã.
Apesar de ter novamente realizado uma partida quase perfeita no quesito toque de bola, a Espanha sofreu com a forte marcação italiana e ainda cedeu perigosos espaços para os contra-ataques da Azzurra, que transformaram o goleiro Casillas em um dos destaques  da semifinal.
Pouco inspirado, o atacante Fernando Torres, um dos principais goleadores da Copa das Confederações 2013, quase não participou do jogo,e  acabou prejudicando em mais de uma oportunidade as tramas ofensivas da Fúria.
O jogo continuou na mesma toada durante todo o tempo regulamentar, provocando gritos de ‘olé’ da torcida, nitidamente a favor dos italianos, a cada toque mais rebuscado da Azzurra na bola, até o término dos 90 minutos.
Mais sofrimento
Apesar do cansaço evidente das duas seleções, a prorrogação começou emocionante e, logo no primeiro ataque, a Itália acertou a trave direita de Casillas. A resposta espanhola foi rápida, mas o pé salvador de um zagueiro impediu o gol da Fúria.
O jogo permaneceu equilibrado e nervoso até o final, mas o gol que evitaria a definição da vaga nos pênaltis teimou em não sair. Na temida 'loteria', deu Fúria, após erro de Bonucci na série de cobranças alternadas: 7 a 6 e vaga confirmada na grande decisão de domingo, contra o Brasil, no Maracanã.

*Com Informações do R7

Mundo Verde inaugura loja em Mossoró






Do colega Phabiano Santos recebemos o convite acima em que comunica a todos a abertura da loja Mundo Verde no Mossoró West Shopping.

Sem dúvidas, ganha a nossa cidade em termos opções para quem busca uma alimentação mais saudável.

Câmara de Mossoró realiza o Projeto Câmara Cultural

Evento apresentou artistas da terra



A Câmara Municipal de Mossoró realizou, nesta quinta-feira (25), o projeto Câmara Cultural. Nascido de projeto do vereador Flávio Tácito (PT do B), aprovada por unanimidade pela Casa.

O projeto apresentou a escritora Serjane Lobato, que realizou uma leitura literária relativa à sua obra no Plenário da Casa. No evento, também foi realizada apresentação de mamulengos. O projeto contou, ainda, com uma exposição artística dos apenados do Projeto Semeando Liberdade, iniciativa do Conselho da Comunidade na Execução Penal da Comarca de Mossoró e da Penitenciária Federal de Mossoró, em parceria com a Penitenciária Agrícola Dr. Mário Negócio.

Sessão Solene nesta sexta 

Na sexta-feira (26), será realizada a Sessão Solene em Homenagem aos Vereadores que promulgaram a Lei Orgânica de Mossoró. O evento ocorrerá às 9h da manhã no Plenário da Câmara de Mossoró. A Câmara convida toda a população para a homenagem e espera contar com uma grande presença dos ex-vereadores de Mossoró.

quarta-feira, 26 de junho de 2013

Cenário de guerra em ruas próximas ao mineirão em BH

18:02 Belo Horizonte
Um helicóptero sobrevoa a região do incêndio, na Avenida Antônio Carlos. Um grupo de pessoas com os rostos cobertos segue na avenida, no sentido Centro.
17:59 Belo Horizonte
Carro pega fogo dentro da Kia Motors. Há vários focos de incêndio na região.
17:55 Belo Horizonte
Uma pequena explosão é vista em um dos focos de incêndio.

17:49 Belo Horizonte
Sobe para 24 o número de pessoas presas na manifestação flagrados com material para depredação e por danos ao patrimônio. Ainda não há um balanço oficial de detidos em razão do confronto com a polícia. Há pessoas com o rosto coberto; parte foi responsável por depredações a concessionárias.
17:39 Belo Horizonte
Focos de incêndio são registrados em frente à concessionária Kia Motors, informa o repórter Pedro Triginelli.
17:36 Belo Horizonte
A PM informa que muitos dos manifestantes já dispersaram, especialmente após um grupo iniciar a confusão pela cidade.
17:34 Belo Horizonte
Quatro focos de incêndio são vistos na região do confronto entre a polícia e um grupo de vândalos. Dois dels estão dentro da concessionária Kia Motors, um debaixo do viaduto, na Avenida Antônio Carlos, e um em uma propriedade.
17:33 Belo Horizonte
Cenário é de guerra na Avenida Antônio Carlos. Há destruição, fogo e lojas destruídas.
17:29 Resumo das manifestações em Belo Horizonte até aqui:
- Cerca de 50 mil manifestantes se reuniram na Praça Sete e saíram em caminhada
- Perto do Mineirão, um grupo entrou em confronto com a PM
- Vândalos começaram a destruir e saquear lojas na região da Pampulha
- Ao menos 21 pessoas são presas pela polícia
17:28 Belo Horizonte
Grupo ateia fogo em frente à concessionária.
17:24 Belo Horizonte
Grupo saqueia a loja da Kia Motors. A PM avança para conter os criminosos.

Brasil vence o Uruguai por 2 a 1 e está na final da Copa das Confederações

Brasil vence o Uruguai e vai à final da Copa das Confederações (Sergio Moraes/Reuters)

Com gol de Paulinho, de cabeça, nos minutos finais do tempo regulamentar da partida, o  Brasil venceu o Uruguai por 2 a 1 e está na final da Copa das Confederações.

A seleção brasileira que enfrentou muita dificulatde para superar os atuais campeões da Copa América, deverá pegar outra pedreira na grande final: Espanha ou Itália, que fazem a segunda semi amanhã, 27.


Agentes penitenciários do RN protestam também


Os agentes penitenciários também foram "pra rua" e fizeram protesto contra a morte por assassinato de um colega servidor, que foi encontrado morto no dia de ontém, 25.

A manisfestação foi na manhã de hoje, 26, enquanto acontecia na câmara municipal uma uma audiência pública que discutia justamente a questão da segurança pública.

Contou cm dezenas de servidores e veículos da estrutura prisional estadual, todos com sirenes ligadas.

Vereadores visitam Biblioteca Ney Pontes Duarte e constatam abandono do equipamento

                          Comitiva de vereadores em visita à Biblioteca Municipal

A Biblioteca Municipal Ney Pontes Duarte está passando por diversas dificuldades em função da falta de reforma do espaço físico e de melhor trabalho de manutenção. A situação é relatada por servidores que trabalham no local e pelos usuários do equipamento inaugurado durante a gestão da prefeita Fafá Rosado em 2006. Convidado para conhecer as atuais precariedades da biblioteca, o presidente da Comissão de Educação da Câmara de Mossoró, o vereador Luiz Carlos Martins (PT) constatou ao lado de outros vereadores que o elevador do prédio está sem funcionar há cerca de dois anos, que faltam inúmeras lâmpadas nas salas, o acervo não vem sendo atualizado a contento, inexiste a figura de bibliotecário, faltam aparelhos de ar condicionado e material para restauração de obras, prensa e até internet.

Entre os problemas também foram vislumbrados a falta de iluminação em praticamente todo o terceiro andar do prédio situado na Praça da União Caxeiral, a sala das crianças está desativada, os computadores são velhos e ultrapassados sem possibilidade de uso, o local ainda carece de sinalização como setas nas escadas e placas de identificação dos ambientes. Segundo alguns estudantes que frequentemente usam a Biblioteca Ney Pontes Duarte é insuficiente a quantidade de cabines de estudo individuais.

“É uma situação preocupante que mostra o quanto a Prefeitura de Mossoró está equivocada em não investir na nossa maior e principal biblioteca, pois esse equipamento é bastante utilizado, já foi muito bem equipado e dotado de um acervo excelente, contudo, sem os investimentos, ele parou no tempo, vem perdendo a sua qualidade e sua capacidade de atender bem aos estudantes e aos servidores”, diz Luiz Carlos (PT).

As deficiências atuais da Biblioteca Municipal Ney Pontes Duarte, vão ser devidamente analisadas pelo grupo de edis mossoroenses, liderado pelo vereador e também professor Luiz Carlos (PT) até que seja concluído um relatório a ser apresentado futuramente aos demais membros do Poder Legislativo local.