terça-feira, 30 de setembro de 2014

Imagens do Desfille/Cortejo Cultural de 30 de setembro

 






Juiz concede prisão domiciliar a ex-diretor da Petrobras

O juiz Sérgio Moro, da 13ª Vara Federal de Curitiba, concedeu hoje (30) prisão domiciliar ao ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa. A decisão foi tomada em troca das informações prestadas por ele no acordo de delação premiada firmado com o Ministério Público Federal (MPF), na Operação Lava Jato, da Polícia Federal.
Geraldo MagelaPaulo Roberto Costa está preso na Superintendência da PF, em CuritibaPaulo Roberto Costa está preso na Superintendência da PF, em Curitiba

Conforme o juiz, caberá a Polícia Federal (PF) fiscalizar o cumprimento das normas da prisão domiciliar. Costa está preso na Superintendência da PF em Curitiba e deverá ser transferido para o Rio de Janeiro, onde tem residência.

O benefício foi solicitado pela defesa de Costa para assinar o acordo de delação, no qual ele citou nomes de políticos que receberam propina do suposto esquema investigado na operação.

Agência Brasil

Pela pesquisa Ibope: Henrique é o mais "rejeitado" com 37%

A nova pesquisa Ibope divulgada hoje mostrou a rejeição entre os candidatos ao Governo:
- Henrique Eduardo Alves: 37%

- Robinson Faria: 27%

- Araken Farias: 25%

- Simone Dutra: 21%

- Professor Robério Paulino: 16%

- Poderia votar em todos: 7%

- Não sabe ou não respondeu: 21%

A pesquisa Ibope está registrada com o número 36/2014, foram realizadas 812 entrevistas no período de 24 a 29 de setembro. 


NOTA DO BLOG: É muito alta esta rejeição de 37% para quem espera uma afluência de indecisos para o seu nome. Os "feras" do marketing político sabem muito bem do que estamos falando, pois, internamente é o índice de rejeição quem aponta mais para a perspectiva de crescimento ou não de um candidato em uma campanha eleitoral. Mais, inclusive, do que os índices de intenção de votos apresentados nas pesquisas até um certo ponto da campanha. Anotem!

Banco Central baixa para 0,7% previsão de alta do PIB neste ano

Se confirmada, será a menor expansão da economia desde 2009.
Até setembro de 2016, inflação não deve ficar abaixo de 5%, estima BC.

Alexandro Martello Do G1, em Brasília
 
A economia brasileira deve ter este ano o pior desempenho desde 2009, segundo estimativa divulgada nesta segunda-feira (29) pelo Banco Central. De acordo com o relatório de inflação, a expectativa é que o Produto Interno Bruto (PIB) cresça 0,7% em 2014 – menos da metade da previsão anterior, de 1,6%. Em 2009, a economia teve retração de 0,33%.
Foi a segunda vez que o Banco Central revisou para baixo a expectativa de expansão da economia em 2014. No início do ano, a autoridade monetária previa uma alta de 2% para o PIB.
O PIB é a soma de todos os bens e serviços produzidos no país, e serve para medir a evolução da economia. Em 2013, a economia cresceu 2,5%.
"A trajetória do PIB na primeira metade de 2014 sugere menor crescimento da economia este ano em relação ao observado em 2013. Para o segundo semestre, as perspectivas indicam atividade em expansão", informou o BC.
A previsão do BC está abaixo da estimativa feita pelo governo federal na semana passada, de uma alta de 0,9% para o PIB deste ano, mas está bem acima da expectativa do mercado financeiro - que prevê um crescimento de apenas 0,29% para este ano.
 
Inflação
O BC baixou um pouco, no relatório de inflação divulgado nesta segunda, sua estimativa para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), a inflação oficial do país.

Para 2014, a previsão do BC para o IPCA recuou de 6,4%, em junho, para 6,3% nos cenários de referência (juros e câmbio fixos) e de mercado (com a estimativa dos bancos para juros e câmbio).
Para o ano que vem, estretanto, a expectativa da autoridade monetária para o IPCA subiu em ambos os cenários. No cenário de referência, passou de 5,7% para 5,8% e, no de mercado, avançou de 6% para 6,1%.
O Banco Central informou ainda que sua estimativa de inflação para os doze meses até setembro de 2016 está em 5% no cenário de referência e em 5,2% no cenário de mercado.
Deste modo, até setembro de 2016, a autoridade monetária informou que não prevê inflação abaixo de 5% (em doze meses).
 
Preços ao consumidor
O BC informou, por meio do relatório de inflação, que a "evolução favorável" dos preços ao consumidor no trimestre encerrado em agosto refletiu o "arrefecimento da variação dos preços livres, em particular, a deflação nos grupos alimentação e transportes".

"Prospectivamente, a deflação recentemente observada dos preços no atacado e os efeitos
defasados das ações de política monetária [alta de juros implementada entre abril de 2013 e maio deste ano], entre outros aspectos, sugerem contenção das pressões altistas de preços ao consumidor nos próximos meses", informou o BC no relatório de inflação.

 
Sistema de metas
Pelo sistema de metas que vigora no Brasil, o BC tem de calibrar os juros para atingir as metas pré-estabelecidas, tendo por base o IPCA. Para 2014 e 2015, a meta central de inflação é de 4,5%, com um intervalo de tolerância de dois pontos percentuais para cima ou para baixo. Desse modo, o IPCA pode ficar entre 2,5% e 6,5% sem que a meta seja formalmente descumprida.

Deste modo, as estimativas do BC divulgadas nesta quinta-feira mostram o IPCA longe da meta central de 4,5% estabelecida para 2014 e 2015, embora ainda esteja dentro do intervalo de tolerância existente, começando a cair mais fortemente, em direção ao centro da meta, somente em 2016. O teto do sistema de metas de inflação brasileiro é um dos mais altos do mundo. Em doze meses até agosto, o IPCA somou 6,51%.
 
Inflação elevada e BC vigilante
 

O Banco Central avaliou que, apesar de a inflação ainda se encontrar "elevada", pressões inflacionárias atualmente presentes na economia – como aquelas decorrentes de ganhos salariais incompatíveis com ganhos de produtividade e dos processos de realinhamento dos preços domésticos em relação aos internacionais e dos preços administrados em relação aos
livres – tendem a arrefecer ou, até mesmo, a se esgotar ao longo do horizonte relevante para a política monetária (até setembro de 2016).

"Em prazos mais curtos, some-se a isso o deslocamento do hiato do produto para o campo desinflacionário. Nesse contexto, o Comitê reafirma sua visão de que, mantidas as condições
monetárias – isto é, levando em conta estratégia que não contempla redução do instrumento de política monetária –, a inflação tende a entrar em trajetória de convergência para a meta nos trimestres finais do horizonte de projeção", acrescentou a autoridade monetária.

O Banco Central destacou ainda que, em momentos como o atual, a política monetária [definição dos juros para controlar a inflação] deve se manter "vigilante", de modo a minimizar
riscos de que níveis elevados de inflação, como o observado nos últimos doze meses, persistam no horizonte relevante para a política monetária. Os juros básicos da economia estão atualmente em 11% ao ano.

Artigo - Hipocrisia Midiática

Por Paulo Afonso Linhares

O mais genial e ácido dos jornalistas norte-americanos, H. L. Mencken, em trecho de artigo escrito há mais de oitenta anos e posteriormente publicado no seu intrigante “O Livro dos Insultos”, afirma que “todo o jornalismo sadio nos Estados Unidos (sadio no sentido de que floresce espontaneamente, sem precisar de auxílio externo) baseia-se firmemente em inventar e destruir papões. Assim como a política. E assim como a religião. O que reside sobre esta impostura fundamental é uma artificialidade, um brinquedo de homens com mais esperanças do que bom senso. O jornalismo inteligente e honesto, assim como a política inteligente e honesta, e até mesmo a religião inteligente e honesta — são coisas que não têm lugar numa sociedade democrática.” Sem tirar nem pôr uma vírgula que seja desta dura, mas, realista, assertiva, é inegável sua atualidade no Brasil atual, sobretudo, diante de uma falsa ética e fingida neutralidade política dos veículos de comunicação de modalidades diversas, fazendo cada um deles “dez vezes mais sinuoso, hipócrita, velhaco, enganador, farisaico, tartufista, fraudulento, safado, escorregadio, inescrupuloso, pérfido, indigno e desonesto”, para usar palavras do mesmo Mencken na obra citada.

Essas péssimas qualidades do jornalismo brasileiro se evidenciam mais nas temporadas em que ocorrem eleições, porquanto os grandes veículos de comunicação, sejam os tradicionais jornalões do sudeste brasileiro, sejam as redes de televisão, suposta e fingidamente vestidos com mantos de neutralidade jornalística, na busca devotada “à verdade, a toda a verdade e nada mais que a verdade,” tomando emprestado outra frase de Mencken. Tudo hipocrisia com auxílio da própria legislação que rege a propaganda eleitoral no Brasil, que cria um artificioso ambiente igualitário para candidatos e partidos que participam das campanhas eleitorais.

Embora a neutralidade (verdadeira) dos veículos de comunicação seja preferível, ao menos neste aspecto a imprensa norte-americana está vários passos adiante da nossa: já se tornou um costume a adesão pública de grandes conglomerados midiáticos às candidaturas em jogo nas eleições presidenciais, posturas essas orientadas pela postura ideológica de cada veículo, i.e., um jornal  marcadamente republicano acosta-se em regras ao candidato do Partido Republicana, e o democrata idem, contudo, sem perder a postura crítica, profissional e imparcial essenciais à prática do bom jornalismo. Assim, a circunstância de assumir um das candidaturas presidenciais não será impeditivo às publicações de fatos, opiniões ou pesquisas de opinião desfavoráveis à candidatura presidencial assumida pelo veículo de comunicação.

Em estágio bem inferior estão as empresas midiáticas brasileiras, dos pequenos jornalecos e emissoras de rádio e televisão implantados nos grotões deste país continental às poderosas estruturas empresariais de comunicação do eixo Rio-São Paulo, que se encastelam em rigorosa (e não menos falsa!) neutralidade política, embora demonstrem na prática enorme facciosidade e práticas jornalísticas deploráveis, como a de formular graves acusações a personalidades da política, do mundo empresarial e artístico sem qualquer elemento probatório minimamente confiável. É nesse diapasão que segue a Veja, revista semanal da Editora Abril, os jornais Folha e o Estado de São Paulo, o jornal "O Globo", além das diversas networks televisivas, em especial a Rede Globo de Televisão.

Claro, embora encham as burras com dinheiro da propaganda de órgãos públicos federais e empresas controladas (Petrobras, Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal etc), sistematicamente esculhabam com o "governo do PT", raivosamente e sem trégua possível. Agem, aliás, como se formassem uma agremiação política - profundamente atrasada e conservadora ao extremo - cujos filiados seriam veículos de comunicação e não apenas pessoas, cujos objetivos seriam defender seus interesses corporativos e a hegemonia da mesma elite política que há pouco mais de quinhentos anos desembarcou das caravelas portuguesas no lugar chamado de Porto Seguro, na Bahia, e que, desde então se mantém no controle do Estado, da sociedade e das riquezas da nação com imposição de um silencioso apartheid social que mantém mais de sessenta por cento da população brasileira abaixo da linha de pobreza.


Emblemática tem sido a (facciosa) postura da Rede Globo de Televisão que, diante da inerme candidatura de Aécio Neves, resolveu apostar todas as suas fichas em Marina Silva, a Batiguel do Seringal, para impedir a reeleição de Dilma Rousseff. Exemplo disto foram as entrevistas feitas com estes "principais candidatos", no programa Bom Dia Brasil: após expor ritual de suposta imparcialidade, sobretudo com a marcação de tempos iguais (30 minutos para cada candidato) e sorteio na ordem de apresentação, os entrevistadores (Chico Pinheiro, Ana Paula Araújo e Miriam Leitão) desceram a chibata em Dilma - que foi seguidamente interrompida e quase impedida de responder a avalanche de perguntas e questionamentos -, castigaram Aécio só um pouquinho, para disfarçar, e levantaram a bola vergonhosamente para Marina Silva. Uma lastimável demonstração  de parcialidade e mau jornalismo que em nada ajudam no aperfeiçoamento da democracia e das instituições políticas nacionais. Por essas matérias, jamais a velha Globo receberá mais um Emmy Internacional, o prêmio máximo da TV mundial. Esperamos.

TCM transmite Cortejo da Liberdade ao vivo nesta terça-feira

 
A TCM Canal 10 (TV Cabo Mossoró) transmite ao vivo, nesta terça-feira, 30, às 19h, o tradicional Cortejo da Liberdade com narração dos apresentadores Fábio Oliveira e Erisberto Rêgo.
O Cortejo da Liberdade é um dos mais importantes eventos de Mossoró, quando a cidade recorda um dos seus feitos históricos mais célebres: a abolição da escravatura, realizada em 1883, cinco anos antes da Lei Áurea. O Desfile acontecerá na avenida Alberto Maranhão, com representações das áreas militar, cultural e cívico. Entidades como Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Agentes Penitenciários Federais, SAMU, Guarda Civil, Maçonarias, Escoteiros e Desbravadores devem estar na avenida. Além de cerca de mil crianças e adolescentes das redes municipal e estadual de ensino e dos equipamentos da Secretaria do Desenvolvimento Social.

Além do Canal 10 da TCM, o Cortejo poderá ser visto pelo portaltcm.com.br em tempo real.

- Com informações da Secretaria de Comunicação da Prefeitura de Mossoró; foto: Cláudio Roberto.

TRE concede direito de resposta a Robinson no Novo Jornal

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) concedeu ao candidato a governador Robinson Faria (PSD) o direito de resposta por matéria veiculada no Novo Jornal no último dia 21 de setembro. 

A coligação Liderados pelo Povo pediu direito de resposta por causa da reportagem intitulada “Vice quer censurar jornais”. A decisão do juiz Cícero Martins de Macedo concede o direito ao candidato Robinson a se defender no mesmo espaço usado pelo jornal para acusar.

O parecer do Ministério Público do Rio Grande do Norte também foi favorável a decisão do magistrado. O direito de resposta deve ser veiculado no Novo Jornal no dia 5 de outubro, dia da eleição.

Voluntários da Associação de Combate ao Câncer serão homenageados em Sessão Solene da Abolição da CMM



A Câmara Municipal de Mossoró realiza nesta terça-feira (30), às 9h, no Teatro Dix-huit Rosado, sua tradicional Sessão Solene da Abolição, em alusão ao 30 de setembro de 1983, quando Mossoró aboliu a escravatura, cinco anos antes da assinatura da Lei Áurea. 

Neste ano, além das homenagens feitas pelos vereadores a personalidades e instituições com relevantes serviços prestados ao município de Mossoró, a Câmara fará uma homenagem aos voluntários da Associação de Apoio aos Pacientes com Câncer de Mossoró e Região, antecipando a programação alusiva ao Outubro Rosa. 

A partir do dia 01 de outubro, o prédio da Câmara também estará iluminado com o padrão rosa do movimento, com o objetivo de lembrar a população sobre a importância da prevenção da doença que mais mata mulheres em todo o Brasil. 

Relação dos Homenageados

Voluntários da Associação de Apoio aos Portadores de Câncer de Mossoró e Região
André Dias Fernandes
Uésile Fernandes Bezerra
Alex Cavalcante Limão
Jean Frederico do Carmo
Ataulfo Fernandes
Renato Severiano Filho
Welbo Bezerra Antas
Onesimar Fernandes Carneiro
Cézar Alves de Lima
Alzinete Faustino de Oliveira
Francisco Rogenildo Dantas da Silva
Alfredo Passalacqua
Adriano Luiz Ferreira de Souza
Antonio Pinto de Oliveira
Luiz Antônio Amaro
Robson Lopes Matos
Jorge Alberto Souza Moura
Josefa Eunice da Costa
Sérgio de Sousa Freire Junior
Raimundo Nonato de Oliveira
José Feitosa Neto
Associação Ferroviário Esporte Clube
Antônio Duarte Neto
Kefas de Oliveira e Silva
Antônia Ferreira de Lima
Marcos Roberto Alves
Tuizza Karina Frederico Nogueira
Edmilson Rodrigues de Souza
Carlos Antônio Teixeira
Rusemildo Vasconcelos dos Santos
Edmilson de Oliveira Bezerra
José Galdino da Costa
Manoel de Lima Assunção
Sinval Freire de Freitas

Raimundo Fernandes é transferido para Hospital em Mossoró depois de acidente

Deputado estadual dirigia veículo que capotou na RN-117

IMG_4198.PNG

O deputado estadual e candidato à reeleição, Raimundo Fernandes, PROS, viajava de São Miguel para o município de Coronel João Pessoa-RN, pela RN-117, quando perdeu o controle do carro que dirigia e capotou.
O parlamentar foi atendido no hospital de São Miguel.
Em seguida foi transferido para um hospital de Mossoró, para realizar exames médicos.

* Do Blog Skarlack

Pesquisa Certus/Gazeta do Oeste: Robinson 33,24% e Henrique 22,83%



Para o Senado Fátima lidera com Wilma em segundo lugar 

30-09-2014
Por: Gazeta do Oeste
O candidato a governador Robinson Faria (PSD) abre 10 pontos de vantagem sobre o seu principal concorrente, Henrique Eduardo Alves (PMDB), em Mossoró, de acordo com a terceira pesquisa Certus, realizada em parceria com o jornal GAZETA DO OESTE. Na estimulada, Robinson aparece com 33,25% contra 22,83% de Henrique.
Os números mostram que Robinson manteve a tendência de crescimento, enquanto Henrique vem caindo a cada semana. Desde o dia 14, quando foi publicada a primeira pesquisa, o líder do PSD já cresceu mais de 6 pontos, uma média de 3% em cada levantamento. No dia 14, ele tinha 27%, uma semana depois, no dia 23, aparecia com 30% e agora 33%.
Na primeira sondagem Certus/GAZETA DO OESTE, Henrique Alves aparecia na liderança com 29%, caiu para 27% na semana seguinte e agora tem 22%. Uma oscilação negativa de 7%, desde o dia 14 de setembro entre os eleitores de Mossoró.
Nesta terceira pesquisa Certus, o candidato Robério Paulino (PSOL) aparece com 1,74% das intenções de voto e Simone Dutra (PSTU) 1,24%. Os demais candidatos não atingiram 1% do interesse do eleitorado mossoroense. Nenhum, brancos e nulos somaram 31,76% e 8,68% não responderam.
A pesquisa Certus, encomendada pelo jornal GAZETA DO OESTE, ouviu 403 pessoas acima de 16 anos entre os dias 27 e 28 de setembro de 2014. A margem de erros é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos e o intervalo de confiança é de 95%.
A pesquisa foi protocolada no Tribunal Regional Eleitoral (TRE/RN) com o número 00037/2014 e no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com o número00902/2104.
Espontânea
Na espontânea, Robinson mantém a mesma vantagem sobre Henrique. De acordo com os números, o vice-governador tem 26,30% das intenções de votos contra 16,63% do presidente da Câmara Federal. Neste quesito, apenas Robério Paulino pontuou alcançando 1,24% do interesse dos eleitores da segunda maior cidade do Rio Grande do Norte.
Rejeição
A rejeição de Henrique voltou a crescer nesta pesquisa. 27,54% dos eleitores de Mossoró dizem não votar no candidato de jeito nenhum. No dia 14, 23,62% dos entrevistados não votariam no deputado federal, no dia 23 esse número caiu para 22,84% e agora subiu 4,7%.
Na primeira pesquisa, Robinson Faria tinha 13,07% de rejeição, caiu para 6,85% e agora subiu para 7,69%. Nesta última pesquisa, o candidato Araken Farias (PSL) tem 2,48% de rejeição, seguido de Robério Paulino (PSOL), 1,74%; e Simone Dutra (PSTU), 1,74%.
SENADO 
Maioria de Fátima Bezerra sobre Wilma chega a 24 pontos
No dia 14, a petista tinha 33,67%, foi a 37,82% no dia 23 e agora aparece com 42,68%, apresentando um crescimento de mais de 9 pontos.

No mesmo ritmo de crescimento, a candidata Fátima Bezerra (PT) alcança seu melhor momento na campanha desde o dia 14 de setembro e avança quase 24 pontos de maioria sobre Wilma de Faria (PSB). Na pesquisa estimulada, a petista tem 42,68% contra 18,86% da vice-prefeita de Natal.
A professora Ana Célia (PSTU) alcançou 2,23%. Os demais candidatos não alcançaram 1% das intenções de votos dos mossoroenses. Nenhum, brancos e nulos representam 30,52% e 4,71% não souberam responder.
Na escalada das três pesquisas do Instituto Certus/GAZETA DO OESTE, a corrida entre as duas principais candidatas ao Senado no Rio Grande do Norte segue a mesma tendência dos concorrentes ao Governo, com Fátima crescendo e Wilma caindo a cada sondagem.
No dia 14, a petista tinha 33,67%, foi a 37,82% no dia 23 e agora aparece com 42,68%, apresentando um crescimento de mais de 9 pontos. Ao contrário, Wilma de Faria tinha 24,37%, caiu para 21,83% e agora está com 18,68%, ou seja, uma queda acentuada de 5,69%.
Espontânea
Na sondagem espontânea, a candidata Fátima Bezerra também continua com larga vantagem sobre Wilma. Ela tem 31,76% contra 13,15% da concorrente. No comparativo, a petista cresceu 12% desde o dia 14, quando ela estava com 19,60%. Foi a 27,66% e agora passa dos 30 pontos. Wilma tinha 14,57%, caiu para 10,41 e agora voltou a subir, embora na curva mantenha queda de quase 2%.
Neste quesito, nenhum dos outros candidatos pontuou em Mossoró. Nenhum, brancos e nulos representaram 28,04% e 25,56% não souberam responder.
Rejeição
No quesito rejeição, Wilma de Faria manteve o pior índice alcançando 27,79% dos eleitores mossoroenses. No dia 14, ela tinha 32,41% de rejeição, caiu para 26,90% e agora voltou a subir. Fátima Bezerra aparece em seguida com 6,45%, menor índice das três pesquisas. Antes era 9,55% e 10,15%, respectivamente. Na pesquisa de hoje, Roberto Ronconi (PSL) tem 2,48% de rejeição, seguido de Lailson de Almeira (PSOL), 1,74%; e professora Ana Célia (PSTU), 1,49%. 16,63% rejeitam todos os candidatos e 4,47% não souberam responder.

segunda-feira, 29 de setembro de 2014

Acidente na 304: Tasso não ficará com sequelas, diz secretário Luiz Roberto

Ferido em acidente de trânsito ocorrido nas primeiras horas do último sábado (27), em trecho da BR-304, nas imediações do trevo de acesso ao município de Santana do Matos, o jovem Tasso Maia foi cirurgiado na manhã do mesmo dia e segue estável.

A informação foi repassada, por telefone, na tarde desta segunda-feira (29), pelo secretário de Saúde do Rio Grande do Norte, Luiz Roberto Fonseca. Ele disse que Tasso foi submetido à procedimento cirurgíco no dia do ocorrido na Hospital Walfredo Gurgel, em Natal.

"A cirurgia foi bem sucedida. Foi considerada exitosa pela equipe médica", detalhou, informando que após o procedimento, o jovem foi transferido para um hospital particular na própria capital do estado.
Luiz Roberto avaliou o estado de saúde de Tasso como estável, consciente e aparentemente sem sequelas.

* De Fato

Ibope: Henrique Alves 38% e Robinson Faria 31%

Nova Pesquisa foi divulgada agora a pouco no RNTV da Intev/Cabugi


Henrique Eduardo Alves (PMDB): 38% das intenções de voto
Robinson Faria (PSD): 31%
Professor Robério Paulino (PSOL): 3%
Simone Dutra (PSTU): 2%
Araken Farias (PSL): 1%
Branco/nulo: 15%
Não sabe/não respondeu: 10%

A pesquisa Ibope está registrada com o número 36/2014, foram realizadas 812 entrevistas no período de 24 a 29 de setembro.

Bancários rejeitam proposta e cruzam os braços a partir de amanhã

Os bancários do Rio Grande do Norte estão com greve programada para iniciar amanhã (30), tanto nas agências públicas quanto privadas. A categoria terá uma nova assembleia na noite de hoje (29), às 18h, no Sesc Centro, onde discutirá com os bancários os rumos da paralisação. A proposta de reajuste salarial foi considerada insuficiente pelos bancários.

No sábado (27), a Federação Nacional dos Bancos apresentou proposta de reajuste de 7,35% para a maioria dos bancários e 8% sobre o piso salarial da categoria. O Sindicato dos Bancários do RN definiu a proposta como "esmola" e garantiu que a paralisação será referendada pela categoria.

Os bancários potiguares cobram reajuste imediato de 35%, enquanto o Sindicato Nacional dos Bancários teria solicitado reajuste de 12,5%, o que é considerado insuficiente pela categoria no Rio Grande do Norte.

Além do reajuste, os bancários também cobram ampliação dos quadros nas agências do estado. De acordo com a coordenadora-geral do Sindicato dos Bancários do Rio Grande do Norte, Marta Turra, há a necessidade atual de se promover, pelo menos, mais duas mil contratações pelas instituições, o que corresponderia a um aumento de aproximadamente 80% nos quadros efetivos dos bancos públicos no estado.

ARTIGO Porque quero ser governador



Hoje é o último domingo antes da eleição e resolvi fazer uma reflexão para que as pessoas conheçam mais do nosso projeto e como pensa o candidato a governador, Robinson Faria. Eu sou advogado, tenho 28 anos de vida pública como deputado estadual e vice-governador do Rio Grande do Norte. Sou ficha limpa e tenho projetos conhecidos em todo o Estado como o Cidadão Sem Fome, a Delegacia do Idoso, projetos na Assembleia Legislativa e tenho propostas para melhorar a qualidade de vida da população.  
Quero ser governador para os últimos, com justiça social. Quero ser governador de um governo que tenha essência na solidariedade. Quero ser governador de um governo cuja grande obra seja a eficiência da máquina pública com resultados para a população. Quero ser governador de um governo onde iremos compartilhar novos projetos, através de um diálogo permanente com a sociedade civil.

Não quero ser governador simplesmente por vaidade e muito menos por carreirismo político.

Não encaro a vida pública como profissão, mas como uma missão, e assim sendo quero ter a oportunidade de governar o estado onde nasci e me criei. Sou, junto com o povo, o candidato da resistência. Resistir para vencer e vencer para mudar! A nossa caminhada é da convicção e não da conveniência.

Sei que a luta é grande, mas gosto de desafios. Não fosse assim não seria candidato a governador, sabedor de que os poderosos se juntaram para vencer a eleição por W.O. Resisti e vou adiante, contando com o povo, meu grande aliado!

Nada me intimidou para desistir do projeto político de chegar ao Governo do Estado porque me alimentei de coragem, fé e resistência. Não por mim, mas pelas pessoas que precisam! As pessoas que precisam de uma oportunidade, de mais saúde, educação e qualidade nos serviços públicos.

Nas últimas semanas nossa caminhada ganhou importantes reforços e o povo foi às ruas dizer que apoia o nosso projeto! Por isso, no dia 5 de outubro, vote 55!

Vamos em frente! Vamos à vitória!

Robinson Faria

Fafá e Leonardo visitam a zona rural de Mossoró e caminham pela região oeste

Candidatos estiveram em Itaú, Serra do Mel, Severiano Melo e Triunfo Potiguar

O último fim de semana da campanha eleitoral foi de agenda cheia para a ex-prefeita de Mossoró e candidata à Câmara Federal, Fafá Rosado, e o médico Leonardo Nogueira, que concorre à reeleição de deputado estadual. A agenda deles incluiu visitas a comunidades rurais de Mossoró e a outras cidades da região Oeste.
Fafá e Leonardo estiveram domingo em Triunfo Potiguar, Itaú, Severiano Melo e Serra do Mel. Foram recebidos por lideranças políticas e entusiasmo nas ruas.
Como ex-prefeita de Mossoró, Fafá Rosado tem uma vasta folha de serviços prestados à cidade com reflexos positivos à região oeste. “Quero continuar o meu trabalho em defesa do cidadão potiguar, agora na Câmara Federal”, diz Fafá.
O médico Leonardo Nogueira apresentou emendas parlamentares para as cidades oestanas. “ E quero continuar essa luta, apresentando proposições que possam melhorar a qualidade de vida das famílias de minha cidade e do meu Estado”, afirma.
Candidatos estiveram em Itaú, Serra do Mel, Severiano Melo e Triunfo Potiguar
O último fim de semana da campanha eleitoral foi de agenda cheia para a ex-prefeita de Mossoró e candidata à Câmara Federal, Fafá Rosado, e o médico Leonardo Nogueira, que concorre à reeleição de deputado estadual. A agenda deles incluiu visitas a comunidades rurais de Mossoró e a outras cidades da região Oeste.
Fafá e Leonardo estiveram domingo em Triunfo Potiguar, Itaú, Severiano Melo e Serra do Mel. Foram recebidos por lideranças políticas e entusiasmo nas ruas.
Como ex-prefeita de Mossoró, Fafá Rosado tem uma vasta folha de serviços prestados à cidade com reflexos positivos à região oeste. “Quero continuar o meu trabalho em defesa do cidadão potiguar, agora na Câmara Federal”, diz Fafá.
O médico Leonardo Nogueira apresentou emendas parlamentares para as cidades oestanas. “ E quero continuar essa luta, apresentando proposições que possam melhorar a qualidade de vida das famílias de minha cidade e do meu Estado”, afirma.
Fonte: www.gutembergmoura.com.br

Entrega de troféus e homenagens marcam fim da Prova Ciclística

  • Saulo Vale
     Fotografia: Robson Carvalho

    Dando continuidade à programação dos eventos relacionados ao Auto da Liberdade, aconteceu, na manhã deste domingo, 28, a 65ª edição da Prova Ciclística Governador Dix-Sept Rosado, considerada a segunda prova ciclística mais antiga do país. O passeio foi iniciado neste sábado, quando diversas modalidades, disputaram. Já neste domingo, considerado o Dia Municipal do Ciclismo, os vencedores receberam os troféus. Além disso, a vitória conta ponto para o campeonato nacional.

    A manhã também foi marcada por homenagens. O prefeito Francisco José Júnior esteve no local e homenageou o atleta Francilúcio Juqueira, falecido há 8 meses. Francilúcio era atleta de ciclismo e já havia ganhado, várias vezes, o primeiro lugar em diversas modalidades. A família esteve no local para receber o evento. Também foi homenageado o atleta Manoel Teobaldo dos Santos, que faleceu em um acidente de bicicleta quando caminhada ao Mercado Central.

    O prefeito deu a largada no segundo dia da disputa, que reuniu atletas de vários locais do país. Eles percorreram de o Corredor Cultural Gonzaga Chimbinho. Cerca de 300 atletas participaram do Passeio, seja na modalidade veterano, feminino, elite local, elite nacional e Master.

    Foram distribuídos R$ 50.000 em dinheiro para os primeiros colocados em cada categoria, além de troféus e medalhas. O prefeito Francisco José Júnior exaltou a iniciativa. “Investir em esporte é investir em mais qualidade de vida para a população. Esse é um momento em que é oferecido, também, um momento de lazer e integração entre as famílias”, declarou.

    * www.prefeiturademossoro.com.br

Larissa se fortalece em mais 10 cidades e 14 bairros de Mossoró

A campanha à reeleição da deputada estadual Larissa Rosado (PSB) ganha ainda mais intensidade na reta final. Nos últimos dias, mobilizou dez municípios e 14 bairros de Mossoró, com comícios, passeatas, reuniões com lideranças, visitas a comunidades.
Larissa recebeu apoios em Messias Targino, Felipe Guerra, Assú, Cerro Corá, Francisco Dantas, Macau, Governador Dix-sept Rosado, Apodi e Serrinha dos Pintos, o que só reafirma a consolidação da candidatura em dezenas de municípios.
Em Mossoró, movimentou os bairros Ilha de Santa Luzia, Pousada das Thermas, Promorar, Abolição IV, Fio, Barrocas, Wilson Rosado, Lagoa Nova, Vingt Rosado, Pereiros, Alto da Conceição, Santo Antônio, Bom Jardim e Bom Jesus.

União e força

No fim da passeata de hoje à tarde, no bairro Bom Jesus, a candidata reafirmou importância da sua vitória e de Marina Silva, Henrique Alves, Wilma de Faria e Sandra Rosado para que, juntos, conduzam a recuperação administrativa do Estado.
“Essa união será vitoriosa e representará uma nova fase no Rio Grande do Norte. Vamos resgatar os serviços públicos, para que o povo potiguar tenha saúde, segurança, educação, emprego dignos, e voltem a ter orgulho do nosso Estado”, disse.


        Campanha de Larissa segue mobilizando Mossoró e outras cidades

     Larissa agradece apoio e reafirma confiança na vitória domingo
(Fotos: Wigna Ribeiro)

Tassyo Mardonny solicita várias obras à Administração Municipal


Vereador Tassyo Mardonny (PSDB) encaminhou cinco proposições nas quais solicita ações de órgãos públicos do município, a fim de que as demandas levantadas pela comunidade e solicitadas através de seu gabinete tenham solução.

Através das indicações, o vereador chama a atenção para que sejam feitos os reparos na tela de proteção da Quadra Poliesportiva da Rua Raimundo Figueiredo Araújo, localizada no bairro Alto de São Manoel.

Essa intervenção se faz necessária devido as reclamações dos moradores que utilizam diariamente a quadra para exercícios, práticas esportivas e lazer.

Ainda no mesmo bairro, o vereador aponta para necessidade de obras de restauração da pavimentação asfáltica e sinalização vertical na Rua Pereiros.

O asfalto estaria em situação precária, com vários buracos na via. “O atual estado de conservação causa insegurança aos pedestres e aos veículos que trafegam”, explica o edil.

No Conjunto Liberdade I, mais precisamente na Rua Manuelito Pereira, Tassyo solicita para que seja feita a restauração da pavimentação abripar em toda a sua extensão.

Casarão de Dr. Leodécio é locado à prefeitura

Durante a caminhada histórica ocorrida neste domingo, 28, em Mossoró, uma boa notícia foi anunciada pela secretária de cultura, Izolda Dantas.

O casarão antigo dos mais imponentes de Mossoró, onde. por muitos anos residiu o saudoso médico Dr Leodécio Neo, será locado à prefeitura de Mossoró para abrigar algumas secretarias municipais.

Uma delas será a da cultura.

A medida tomada tem também um viés de tentar buscar salvar um dos nossos prédios antigos, que está relacionado diretamente à história mossoroense de resistência ao bando de Lampião.

Fica ao lado da Igreja de São Vicente e serviu de trincheira à época.


domingo, 28 de setembro de 2014

Henrique e Robinson estão empatados, diz instituto


Do portal Nominuto.com

Os candidatos Henrique Eduardo Alves (PMDB) e Robinson Faria (PSD) estão praticamente empatados na corrida para o governo estadual, informa a Seta/Nominuto divulgada neste domingo (28). Na pesquisa estimulada, Henrique tem 33%, e Robinson aparece com 32,3%.
Robério Paulino (PSOL) tem 1,9%. Araken Farias (PSL) e Simone Dutra (PSTU) têm o mesmo percentual, 0,6%.
Brancos e nulos somam 22,8%, e indecisos (não sabe) totalizam 8,8%.

Espontânea
Na espontânea, Henrique aparece com 27,5% das intenções de voto, seguido por Robinson com 26,5%, diferença de apenas um ponto percentual.
Robério tem 1,6%. Simone tem 0,4%, e Araken, 0,2%.
Brancos e nulos somam 18,8%, e indecisos totalizam 25%.

Segundo turno
Na simulação de segundo com os dois mais votados, Henrique e Robinson também estão empatados. O candidato do PMDB tem 35,4%, contra 35,2% dados a Robinson.

O Instituto Seta de Pesquisas ouviu 1.700 eleitores entre os dias 23 e 25 de setembro nas principais regiões do Estado do Rio Grande do norte.
A margem de erro da pesquisa é de 3% para mais ou para menos. O intervalo de confiança é de 95%. A pesquisa Seta/Nominuto foi registrada no TRE sob o protocolo RN 00035/2014.

Robinson Faz grande movimentação em Pau dos Ferros

 


Pró-reitora da UERN tem veículo metralhado na avenida Presidente Dutra


Inessa Linhares e o marido são atingidos por disparos de armas de fogo quando seguiam para Assembleia da UERN

IMG-20140928-WA0012
Inessa Linhares foi atingida por estilhaço na testa – Fotos: WattZapp
IMG-20140928-WA0009
Carro em que Inessa Linhares trafegava ao lado do marido e das filhas – Foto: WattZapp

Na noite deste domingo, 28, a pró-reitora de Ensino e Extensão, da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) teve seu carro metralhado na avenida Presidente Dutra, no Alto de São Manoel.

Inessa foi atingida de raspão e seu marido, Adalto,  que dirigia o carro foi atingido em uma das mãos.

Ela foi atendida no Hospital Wilson Rosado, mas foi transferido, com mo marido, para o Hospital Regional Tarcísio Maia.

Depois de se submeter a exames Inessa foi liberada.
Seu marido, Adalto, se submete a uma pequena cirurgia.

- Foi um grande susto, mas graças a Deus está tudo sob controle -, declarou o jurista Paulo Afonso Linhares, pai de Inessa.

* Do Blog do Skarlack

UERN realiza Assembleia Universitária nos seus 46 anos de história e presta homenagens


UERN prestam homenagem a várias personalidades – Fotos: iPad Skarlack







A Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) chega aos 46 anos de fundação neste dia 28 de setembro consolidada como a maior Instituição de Ensino Superior do interior do Estado.
A instituição oferta atualmente 69 cursos de graduação e 11 programas de pós-graduação stricto sensu, com aproximadamente 12 mil alunos. São mais de 1200 professores e 1200 técnicos empenhados em garantir o acesso ao ensino superior de qualidade nos 17 municípios do Estado onde a UERN está presente, com o diferencial de ser a única instituição a reservar 50% das suas vagas para alunos oriundos de escola pública e 5% para alunos com deficiência.
Em seus 46 anos, a UERN reconhece o valor de pessoas que colaboraram com a instituição e presta sua homenagem na forma de comendas.
Em Assembleia Universitária da UERN realizada neste domingo (28), às 19h, no Teatro Municipal Dix-huit Rosado, foram feitas várias homenagens.
O presidente do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte, Desembargador Aderson Silvino, foi agraciado com o Título de Doutor Honoris Causa por sua atuação desde a fundação da UERN até os dias atuais. O título é direcionado a professores e pesquisadores eminentes, não integrantes aos quadros da UERN, que tenham prestado relevantes serviços à Universidade, e a personalidades eminentes, que tenham contribuído para o progresso da Universidade, da Região ou do País ou que tenham se distinguido pela sua atuação em favor das ciências, das letras, das artes ou da cultura em geral.
Também na Assembleia Universitária, o reitor Pedro Fernandes fez a entrega da Medalha da Abolição, que esse ano aborda o tema: “Liberdade pela Informação”.
Foram agraciados os ex-reitores Canindé Queiroz e Milton Marques, além do empresário Rútilo Coelho.
Outra homenagem foi feita ao professor aposentado João Batista Xavier, que dedicou sua vida à instituição, estando presente em muitas das lutas que marcaram a história da Universidade. O título é dedicado a professores aposentados, que tenham se distinguido no exercício de suas atividades de natureza universitária na UERN.
A técnica administrativa Neuma Medeiros também foi homenageada. Ela recebeu o Diploma do Mérito Administrativo, por ter, assim como o professor João Batista, dedicado sua vida à instituição, tendo ocupado, ao longo de sua trajetória, diversos cargos na administração da UERN. O Diploma é dedicado a servidores ativos ou inativos, pertencentes aos quadros da UERN, que tenham prestado relevantes serviços a esta universidade.


* Do Blog do Skarlack

Caminhada Histórica de Mossoró 2014

  
Mesmo com um público diminuto e sob a coordenação dos historiadores Geraldo Maia e Sávio Marcellus, aconteceu neste domingo, 28, a Caminhada Histórica de Mossoró 2014 pelas ruas do centro da cidade, com início na Biblioteca Ney Pontes Duarte, passando pelo Corredor Cultural Prof Antônio Gonzaga Chimbinho e concluindo na Estação das Artes, onde houve uma bela apresentação do Coral da Escola de Artes do município.

Como registro de autoridades presentes, tivemos somente a secretária de cultura,Izolda Dantas e do vereador Genivan Vale ao lado de sua esposa e filhas.

O apresentador de TV Tuca Viegas também colaborou com a condução da caminhada.

Pela proposta apresentada nas edições ocorridas (2013 e 2014) tem tudo para passar a compor o calendário de eventos de Mossoró.

Merece todo o incentivo para sua consolidação.



















*Cobertura e fotos: Blog do PC