segunda-feira, 17 de outubro de 2016

Transporte coletivo é aprovado por 87% dos usuários

O mossoroense está mais satisfeito com o transporte coletivo local. Pesquisa da Secretaria de Segurança Pública, Defesa Civil, Mobilidade Urbana e Trânsito (SESEM) aponta que 87% dos usuários aprovam o sistema de ônibus. A sondagem foi realizada entre os dias 12 e 23 de setembro, ouviu passageiros de todas as linhas da cidade e abordou aspectos como horários, conforto, bilhetagem eletrônica, sistema de informação, entre outros.

Em relação à bilhetagem eletrônica, 68,3% dos usuários estão satisfeitos, e outros 19% se dizem muito satisfeitos com o serviço, instalado em maio deste ano, no início das operações da empresa Cidade do Sol, concessionária do transporte coletivo em Mossoró.

Melhorias

O diretor da Cidade do Sol, Waldemar Araújo, considera os números, reflexo das melhorias feitas pela empresa no transporte público de Mossoró. Lembra que, em pouco mais de quatro meses de atuação, a concessionária instalou bilhetagem eletrônica, sistema integração, biometria facial, acessibilidade em toda a frota, e ônibus aos finais de semana.

“Ficamos muito felizes com o resultado e temos certeza que estamos no caminho certo. Em menos de cinco meses, conseguimos avançar bastante, mas ainda temos muito o quê fazer. Acreditamos no potencial de Mossoró, e queremos contar com a parceria das empresas locais, para que comprem os vales transportes para os funcionários e valorizem o serviço”, pontua.

Profissionais

A pesquisa também avaliou o comportamento dos motoristas de ônibus. O índice de satisfação com o atendimento é de 81%, entre bom e ótimo. Outros 16% consideram que o desempenho é regular, e apenas 3% usuários avaliam como ruim ou péssimo.

Gargalos

Ainda conforme a pesquisa, 79% dos entrevistados concordam que o transporte público melhorou, após o início das operações da Cidade do Sol. O estudo também revela pontos que necessitam de melhorias, como o estado das vias de acesso dos ônibus e a ausência de abrigos.


Nenhum comentário:

Postar um comentário