sexta-feira, 27 de janeiro de 2017

Clássico no interior do RN acaba com briga de torcidas e tiros da PM; vídeo

Jogo entre Potiguar de Mossoró e Baraúnas, pela 3ª rodada do Campeonato Potiguar, é interrompido devido a confusão entre organizadas; PM atira "balas de borracha"


RN - tiros PM bala de borracha - clássico Potiguar de Mossoró x Baraúnas - Nogueirão (Foto: Reprodução)


Uma confusão envolvendo integrantes das torcidas organizadas de Baraúnas e Potiguar de Mossoró acabou em pancadaria e tiros de "bala de borracha" da Polícia Militar. A partida, realizada na noite desta quinta-feira, em Mossoró, na região Oeste do Rio Grande do Norte, terminou com a vitória de virada do Leão do Oeste, por 2 a 1. Mas, aos 42 minutos do segundo tempo, os torcedores dos dois clubes invadiram uma área interditada do estádio e se confrontaram nas arquibancadas. Após muita correria e gritaria do restante do público, a PM conseguiu acabar com a briga (veja o vídeo acima).
No total, 13 torcedores foram identificados e encaminhados para a Delegacia de Plantão de Mossoró, onde prestaram depoimento e assinaram um Boletim de Ocorrência. Ao GloboEsporte.com, um dos policiais de plantão disse, por telefone, que cinco torcedores chegaram sem documentação e devem passar a noite na prisão.
LEIA MAIS
>> De virada, Baraúnas vence clássico sobre Potiguar na volta ao Nogueirão

RN - tiros PM bala de borracha - clássico Potiguar de Mossoró x Baraúnas - Nogueirão (Foto: Reprodução)PM atirou "balas de borracha" para acabar com briga entre torcedores de Potiguar e Baraúnas (Foto: Reprodução)

O jogo marcou a reabertura do Estádio Nogueirão, em Mossoró, após mais de dois meses fechado. O local havia sido interditado pelo Corpo de Bombeiros, depois que o Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) assinado entre a Prefeitura, o Ministério Público do RN e a Liga Desportiva Mossoroense ter se expirado e as obras de readequação para a segurança do estádio, que tem capacidade para 4.586 torcedores, não serem realizadas.
Nesta segunda-feira, o juiz Pedro Cordeiro Júnior, da comarca de Mossoró, emitiu uma decisão liminar liberando o estádio para o clássico entre Potiguar de Mossoró e Baraúnas, apesar de não ter sido emitido o laudo técnico do Corpo de Bombeiros. A decisão foi atendida pela Federação Norte-rio-grandense de Futebol (FNF), que autorizou a mudança no local do clássico mossoroense.

Para ler mais notícias do GloboEsporte.com Rio Grande do Norte, clique emgloboesporte.globo.com/rn. Siga também o GE RN no Twitter e por RSS
.

Nenhum comentário:

Postar um comentário