quinta-feira, 30 de março de 2017

PMM convida OAB para acompanhar apuração de denúncias de espancamento em adolescente surdo pela guarda municipal



O secretário de Segurança do Município, Elieser Girão, convidou o presidente da subsecção da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Canindé Maia, para a instituição acompanhar as investigações sobre as denúncias de espancamento no adolescente Bruno Talles, por guardas municipais.


A apuração começou a ser feita logo que as acusações foram divulgadas nas redes sociais. De Brasília onde cumpria agenda de trabalho, o secretário Elieser Girão, determinou que as denuncias foram imediatamente apuradas. O comandante da guarda, Godinho,iniciou o processo e adiantou que a corregedoria fará a apuração para que todas as medidas legais e disciplinares sejam aplicadas, caso haja comprovação.

O secretário Elieser Girão disse ao presidente Canindé Maia que a presença da OAB  será muito importante para o a consolidação do processo. “Como dissemos desde o primeiro momento, não  compactuamos com nenhum ato de violência. Faremos tudo com a mais absoluta transparência. Queremos que prevaleça a verdade. Precisamos apurar, sem pré-julgamentos, ressalta Girão.

O presidente da OAB elogiou a postura do município, destacando a lisura na apuração das denúncias feitas pela família do garoto contra guardas municipais. “Eu vejo com felicidade a transparência e o rigor da Prefeitura neste caso que exige acompanhamento específico. A OAB tem uma comissão de apoio à pessoa deficiente e vamos estar juntos nessa investigação”, completou.

O corregedor Themistócles José da Costa Filho, que foi corregedor geral da Segurança do RN, em 2014, ficará à frente das investigações.  Ele contará com um grupo de 3 inspetores.

Nenhum comentário:

Postar um comentário