quarta-feira, 19 de abril de 2017

Ação solidária eleva autoestima de pacientes com câncer em Mossoró



O Centro de Oncologia e Hematologia de Mossoró (COHM) vivenciou uma manhã diferente, nesta quarta-feira, 19, com ação que levou música, mensagens positivas e solidariedade a dezenas de pacientes que aguardavam atendimento no hospital.

A iniciativa, idealizada pelo Centro Brasileiro de Cursos (Cebrac), através do Projeto Eco Solidariedade, entregou ao Cohm quase 200 quilos de gêneros alimentícios, que serão distribuídos a pacientes que passam por dificuldades.


O Movimento Arte & Violão (MAV) se apresentou na recepção da unidade, e levou música e mensagem de fé aos pacientes. A ação foi bem recebida.

Maria da Conceição Meira, 61, é paciente do Centro de Oncologia, e elogiou a iniciativa, destacando o caráter solidário e momentos de alegria às pessoas que enfrentam o tratamento do câncer.

“É muito importante para nossa autoestima, pois a doença afeta muito o psicológico, e precisamos de carinho, nesse momento doloroso. Se cada um fizer um pouquinho, for solidário, teremos ainda mais momentos felizes como esse”, opinou.

Solidariedade
Segundo o coordenador pedagógico do Cebrac, Francisco Melo, a ideia pretende estimular atos solidários entre alunos e população em geral.

“Entendemos a importância de ser solidário, e disseminamos isso junto aos nossos alunos, através do Projeto Eco Solidariedade, com o ideal de ajudar pessoas e incentivar a prática solidária. Soubemos das necessidades do hospital e viemos trazer, além dos alimentos, carinho e atenção aos pacientes”, frisou.

Ajuda
Ao lado de medicamentos e itens de higiene e limpeza, os alimentos estão entre as principais necessidades do pelo Centro de Oncologia, que, além de Mossoró, recebe pacientes de outros 62 municípios do Estado.

O diretor do Cohm, médico oncologista Cure Medeiros, enalteceu a ação, e destacou a importância de ações semelhantes para o atendimento às centenas de pacientes da unidade hospitalar.

“Atendemos pacientes que dependem das doações que fazemos, seja de alimento ou de outros produtos, e, quanto mais doações recebemos, mais temos como ajudar. Por isso, são tão importantes iniciativas como esta do Cebrac”, enfatizou.







Nenhum comentário:

Postar um comentário