terça-feira, 25 de abril de 2017

Cultura indígena é celebrada na Cidade da Criança

Programação teve participação do grupo indígena, de Canguaretama.

Uma celebração especial realizada na tarde do último domingo (23) na Cidade da Criança marcou o Dia do Índio, com apresentações culturais, exposição fotográfica, palestras e o plantio de uma simbólico de uma árvore. Promovido pelo Governo do Estado através da Fundação José Augusto, a Semana do Índio enalteceu a cultura indígena e integrou as comunidades de índios radicadas no estado.

A celebração teve a participação do grupo indígena da comunidade do Catu, localizada no município de Canguaretama, que apresentou uma mostra de gastronomia, artesanato, além de apresentações da dança do Toré.

Crianças da tribo realizaram o plantio de um pé de Pau Brasil, registrada uma pedra simbólica com escrito em Tupi Gurani (“Em 23 de abril de 2017 um menino de Catu plantou o Pau Brasil”).
O grupo apresentou uma mostra, artesanato, além do ritual da dança do Toré no palco do anfiteatro do parque.

O público presente apreciou a mostra fotográfica “Somos um só Povo, Uma só Raça”, de Tasso Pinheiro, aberta deste quarta (19), resultado da cobertura realizada durante a primeira edição dos Jogos Mundiais Indígenas, Tocantins, entre 23 de outubro e 1º de novembro de 2015.

Os pesquisadores Aucides Sales e Diego Ankaguaçu realizaram uma palestra sobre a língua Tupi Guarani, com explicações sobre a história e a fusão do idioma indígena com a língua portuguesa.
A celebração foi encerrada com a apresentação do grupo Caboclinhos, de Ceará-Mirim que mostraram coreografias que personificam soldados índios uniformizados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário