quarta-feira, 3 de maio de 2017

Larissa apela para que Governo do Estado mantenha diálogo com o Sinte


Ano após ano os trabalhadores e trabalhadoras em educação têm dificuldade de conseguir avanços em relação aos pleitos que apresentam ao Governo. É comum que essa dificuldade acarrete greves, paradas de advertência, dentre outras medidas legitimamente adotadas pela categoria.


Pensando nisso, a deputada Larissa Rosado (PSB), solicitou  ao Governo do Estado que seja estabelecido um canal de diálogo com o Sindicato dos Trabalhadores em Educação (Sinte), com vistas à negociação da Campanha Salarial 2017, de forma a evitar desgaste da classe e/ou medidas como paralisação de atividades dos profissionais.

“É urgente que se estabeleça diálogo formal e permanente com o Sindicato dos Trabalhadores em Educação, ouvindo suas demandas e apresentando, de forma clara e transparente, o que se pode e quando se pode atender, numa permanente troca de informações e dentro de um cronograma possível ao estado e que atenda às demandas apresentadas”, afirma Larissa Rosado.

Danos

As greves submetem os alunos a situações desconfortáveis quanto à aprendizagem, vez que a reposição das aulas se dá em horários que, muitas vezes, não podem ser cumpridos pelos estudantes, o que inviabiliza sua participação nos encontros e, consequentemente, faz com que fique com déficit nos conteúdos ministrados. Por outro lado, não resta aos servidores outro caminho quando se esgotam as possibilidades de avanço nas negociações.

“Entendemos que o planejamento orçamentário e financeiro é a melhor forma de atender pacificamente às demandas do Sinte”, reforça a deputada que sempre esteve ao lado dos servidores.

Mais Educação

Larissa também requereu ao Governo do Estado a conservação das instalações da Escola Estadual Moreira Dias, na cidade de Mossoró.

A Escola fica localizada no bairro Doze Anos e atende, além do próprio bairro, os adjacentes Boa Vista, Nova Betânia, Alto da Conceição, Bom Jardim, Centro, Aeroporto I e II, dentre outros. Sua estrutura vem passando, ao longo dos anos, por alguns reparos, fazendo-se necessária sua perfeita adequação e modernização para que se possa garantir o ensino público de qualidade aos potiguares.

“A Educação precisa deixar de ser vista como gasto e passar a ser vista como investimento. Só dessa forma conseguiremos fazer com que o nosso estado progrida de forma sustentável”, assevera a parlamentar.


Nenhum comentário:

Postar um comentário