terça-feira, 27 de junho de 2017

Apicultor é morto a tiros na zona rural de Mossoró, RN


Raul foi morto a tiros ao voltar do trabalho, na comunidade Maísa, em Mossoró, RN (Foto: Reprodução/ TSE)

Ex-candidato a vereador de Mossoró pelo Partido dos Trabalhadores, o apicultor Antônio Soares Filgueira, 42 anos, foi morto a tiros no final da noite desta segunda-feira (26) no assentamento Maísa, zona rural de Mossoró - município da região Oeste potiguar.

Conhecido como Raul, o homem foi encontrado já sem vida pelos moradores da região, numa estrada de terra, ainda vestido com o macacão de proteção utilizado para o manejo com as abelhas. Ele foi atingido por disparos de arma de fogo quando voltava do trabalho.


O crime ocorreu por volta das 23h. Comandante do 2º Batalhão da Polícia Militar, major Maximiliano Fernandes informou que a vítima já tinha se envolvido com um homicídio no passado, mas ultimamente não tinha problemas com a Justiça. Uma das linhas de investigação considera a possibilidade de vingança.

"Populares informaram que ele era uma pessoa de bem, que não era envolvida em crimes e tinha bom relacionamento com todos. Mas no passado ele teve envolvimento em um caso de assassinato. É possível que tenha sido vingança", considerou.

Raul teria matado o próprio cunhado a tiros. Na ocasião, ele se apresentou voluntariamente à polícia e disse que reagiu a uma tentativa de homicídio. A arma usada no crime teria sido comprada depois que ele sofreu ameaças.

Ele foi candidato a vereador de Mossoró em 2016, pelo PT, e obteve 157 votos.

*G1 RN


Nenhum comentário:

Postar um comentário