sábado, 24 de junho de 2017

Em Nota, Governo esclarece sobre contrato com Restaurante

Um simples ato administrativo 
O Gabinete Civil do Governo do Estado emitiu nota, para explicar a notícia publicada no jornal Tribuna do Norte, sobre ato do Governo renovou contrato com o restaurante Camarões, ao preço de 172 mil reais por mês.
Abaixo a nota:
Esclarecimento
O Gabinete Civil do Governo do Estado esclarece que o contrato firmado com o Restaurante Camarões, a partir de processo licitatório, tem como finalidade fornecer refeições para o Governador, autoridades e convidados participantes de reuniões extraordinárias, e é baseado em uma ESTIMATIVA para utilização SOB DEMANDA, o que NÃO torna obrigatório pagamento do valor total do contrato.
Por ter abdicado da Residência Oficial, o Governador faz uso deste serviço somente quando há necessidade de receber chefes de estado, ministros, governadores e outras autoridades. Durante o período correspondente aos meses de maio a dezembro de 2016, foram utilizados apenas R$4.700,00 da verba total estimada.
E, em 2017, o consumo até o momento foi de R$14.027,60.
Salientamos que, deste modo, o pagamento é efetuado mediante uso do serviço.
Já o reajuste no valor do contrato, com previsão legal, ocorre devido à necessidade de atualização financeira do acordo inicial, tendo em vista o crescente aumento dos preços.
Tatiana Mendes Cunha
Secretária-chefe do Gabinete Civil
 DA REDAÇÃO
No início da semana, reproduzi um pensamento do jornalista, Reinaldo Azevedo, para definir a bobagem de alguns, nas redes sociais, contra uma justa proposição da vereadora, Sandra Rosado.
Agora transcrevo, de novo, o texto de Reinaldo Azevedo.
E, aqui, fazendo personagens os que estão em guerra contra o do Governo por um simples ato administrativo:
REINALDO AZEVEDO
– Ah, ás vezes, as redes sociais chegam a ser divertidas. É tanta bobagem circulando que fica impossível segurar o riso. E o que acho especialmente engraçado? Os mais ignorantes são os mais convictos. E não é raro que a burrice venha travestida de jornalismo. Tem aquele jeitão, assim, sabem como é? Mais ou menos como um chimpanzé está muito perto de um ser humano: uns 95% de semelhança genética… Hoje, os símios usam computadores e câmeras com impressionante destreza.
É, realmente, é impossível segurar a gargalhada com os meninões & meninonas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário