quarta-feira, 7 de junho de 2017

Vereador se solidariza à presidente e lamenta escalada da violência



Ao se solidarizar com a presidente da Câmara, Izabel Montenegro, vítima de assalto no final de semana, o vereador Francisco Carlos (PP) defendeu cultura de paz e criticou manifestações de ódio contra a parlamentar nas redes sociais.

“Precisamos exaltar a cultura da paz e do respeito. Não à cultura do ódio e da vingança. A violência precisa ser combatida em todas as suas formas”, enfatizou, em aparte ao pronunciamento da vereadora, na sessão desta terça-feira.


O parlamentar lamentou os números do mapa da violência, do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), que mostram o Rio Grande do Norte como estado com o maior aumento no número de homicídios no Brasil entre os anos de 2005 e 2015.

O percentual de 232% de elevação, alarmante, segundo o parlamentar, pede medidas urgentes no combate à violência, que atinge, principalmente, jovens negros. Os números mostram que, de cada 100 mortos, 71 são negros e 92, jovens.

“São números muito preocupantes, que nos deixam em alerta. A violência toma proporções alarmantes, atingindo em cheio nossos jovens, e, em sua maioria, negros. É preciso criar mecanismos que combatam essa escalada”, lamentou.



Nenhum comentário:

Postar um comentário