sexta-feira, 28 de julho de 2017

Secretaria de Educação reforça a inclusão através da formação de professores


Nesta quinta-feira, 27, a Secretaria Municipal de Educação, Esporte e Lazer (SEEL), promoveu formação, no auditório do Fórum das Artes, com os professores que atuam nas salas de Atendimento Educacional Especializado (AEE) da Rede Municipal de Ensino. O público-alvo era formado por professores que prestam serviço especializado aos alunos matriculados nas escolas de ensino regular da rede.


“Ao prepararmos esses professores estaremos potencializando as diferentes linguagens no atendimento dos nossos alunos com deficiência para que eles tenham alternativas de aprendizagem que superem suas limitações. A acessibilidade não pode ser garantida apenas na questão arquitetônica, mas ela também está presente em pequenas situações nos processos de aprendizagem, ensino e avaliação”, disse a coordenadora da Educação Especial, da SEEL, Selma Bedaque.

A formação tinha como tema “As diferentes linguagens no atendimento especializado para as crianças com deficiência” e reuniu todos os 35 professores do AEE. Em toda a Rede Municipal são 25 salas de AEE que atendem essas crianças no contraturno em que elas são matriculadas no ensino regular. A secretária municipal de Educação, Esporte e Lazer, Magali Delfino, participou da formação e anunciou que o número de salas de AEE deve ser ampliado.

“A nossa gestão não está preocupada apenas em garantir a educação, mas também garantir a quem tem dificuldades de aprendizagem em virtude de alguma deficiência. Por entender a importância do atendimento especializado estamos planejando ampliar o número das salas de AEE e renovar os equipamentos que possibilitam o acesso desses alunos ao aprendizado”, garantiu a secretária.

Nenhum comentário:

Postar um comentário