segunda-feira, 21 de agosto de 2017

Embriagado, homem atropela motociclista, briga com PMs e é preso em Natal

Embriagado, empresário tentou resistir à prisão  (Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi)

Um atropelamento seguido de briga de trânsito se transformou numa confusão generalizada entre um empresário natalense de 57 anos, os filhos dele e policiais militares. O fato aconteceu no começo da noite deste domingo (20), na Avenida Ayrton Senna, Zona Sul de Natal.

Segundo testemunhas, o empresário furou um sinal vermelho e arrastou um motociclista por uma distância de aproximadamente 70 metros. Após o atropelamento, ele tentou fugir, mas foi amarrado com uma corda por populares. Quando os policiais chegaram, ele foi preso em flagrante após realizar teste do bafômetro, que comprovou o crime de embriaguez ao volante.


Mesmo detido, o homem começou a agredir os policiais militares do Comando de Policiamento Rodoviário Estadual (CPRE) e do 5º Batalhão da Zona Sul. Durante a realização do flagrante, dois filhos do empresário tentaram retirar o pai do local. "Meu pai é um trabalhador, trabalhou 20 anos. Não é vagabundo não. Não coloquem ele ai não", dizia um deles, se referindo ao camburão da PM.

Os policiais foram agredidos com tapas e socos e reagiram. "Os familiares não entendem. Dizem que ele não cometeu crime, mas cometeu sim. Ele quase matou uma pessoa, e está visivelmente embriagado", disse o Sargento Thiago, do 5º BPM.

Depois de quase vinte minutos de confusão, o empresário foi retirado da mala. Quase sem conseguir andar, foi levado a outra viatura, sendo finalmente contido. Ele foi levado para a Delegacia de Plantão da Zona Sul.

O motociclista atropelado teve ferimentos na cabeça e foi levado ao Pronto-Socorro Clóvis Sarinho, no Hospital Walfredo Gurgel. Ele deu entrada no hospital consciente, foi orientado no setor de politrauma e, após estabilizado, fez uma tomografia e avaliação médica.

*G1


Nenhum comentário:

Postar um comentário