sábado, 25 de novembro de 2017

Ocupação da Seplan tem apoio do PT


A ocupação da Secretaria de Planejamento do Estado, por manifestantes representantes da Uern e da Saúde estadual, virou caso de política.
De política do PT.
A senadora Fátima Bezerra (PT), que tem poder para brigar em Brasília por recursos federais, na intenção de reequilibrar as contas do Estado, não deu um pio no plenário do Senado, cobrando ajuda financeira do governo Temer para o Rio Grande do Norte.


Justifica que não tem força junto ao Planalto porque é oposição, mesmo sabendo que o papel da bancada federal, independente do lado, é cobrar.
Em vez de fazer discurso no plenário do Senado, Fátima foi à Secretaria de Planejamento, não para anunciar uma solução vinda de Brasília, mas para gravar um vídeo cobrando diálogo por parte do governo.
Diálogo que estava acontecendo na Casa Civil quando os manifestantes invadiram a Seplan.
O deputado estadual Fernando Mineiro (PT) também esteve na  Seplan com os manifestantes.
Ele conversou com os policiais que lá estiveram para cumprir a decisão do juiz Bruno Lacerda.
Quem também teve trânsito livre no prédio da Seplan é a vereadora de Natal, Natália Bonavides.
Natália e Mineiro são pré-candidatos, já anunciados, a deputado federal.
Dirigente do PSTU, Dario Barbosa também estava ao lado dos manifestantes.
Portanto, o movimento em favor do pagamento em dia dos salários dos servidores, que é mais do que justo, é justíssimo, passou a virar palanque antecipado das eleições do próximo ano.



Com informações do blog de Thaisa Galvão

Nenhum comentário:

Postar um comentário