sexta-feira, 19 de janeiro de 2018

Reunião indica retomada imobiliária em Mossoró em 2018


O panorama é positivo para o setor imobiliário em Mossoró em 2018. A Caixa investirá R$ 26 milhões, este ano, no município. O anúncio foi feito, na quinta-feira (18), pelo gerente geral em Mossoró, Julierme Torres, durante visita de comissão de vereadores à agência central do banco, na Rua Coronel Gurgel, Centro.

Participaram da audiência, solicitada pela Câmara, a presidente da Casa, Izabel Montenegro (MDB), e os vereadores Ozaniel Mesquita (PR), Petras Vinícius (DEM), Raério (PRB) e Manoel Bezerra (PRTB). A reunião tratou da redução do déficit habitacional em Mossoró, a partir do programa Minha Casa, Minha Vida.


Os R$ 26 milhões, segundo Julierme Torres, serão investidos em projetos habitacionais públicos e privados. A informação respondeu questionamento de vereadores, sobre empreendimentos paralisados para pessoas de baixa renda, financiados pela Caixa.

É o caso do conjunto vertical Mossoró I, II e III, com mais de 800 unidades, próximo ao Abolição IV. O gerente explicou que a obra será destravada no segundo semestre deste ano, com a contratação de nova empresa, para concluir o residencial.

Demandas

Os vereadores também abordaram possível venda de casas do recém entregue conjunto Odete Rosado, o que é ilegal. A gerência da Caixa reiterou que está acompanhando a situação de perto e que, se for comprovado, o beneficiário pode perder o imóvel.

A reunião tratou ainda de casas fechadas no conjunto Santa Júlia; necessidade de atualizar o Plano Diretor; construção de 500 casas próximo ao conjunto Odete Rosado; projetos sociais para beneficiários das moradias; entre outros assuntos.

“Foi uma audiência muito positiva, na qual a gerência da Caixa traçou um panorama positivo de investimentos para Mossoró este ano, o que nos dá confiança para uma boa retomada do setor imobiliário no município em 2018”, avalia Izabel Montenegro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário