sexta-feira, 2 de fevereiro de 2018

ANAC libera Aeroporto de Mossoró para voos comerciais


Os ´técnicos da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) vão emitir relatório neste dia 2 de fevereiro, liberando o Aeroporto Dix Sept Rosado, de Mossoró, para voos comerciais. A informação é do vereador João Gentil, que acompanha passo a passo, desde o início dos trabalhos para atender a todas as exigências da ANAC e receber voos comerciais. "É um ganho enorme para nossa região", destaca João Gentil.

A informação foi confirmada pelo diretor de transporte do Departamento Estadual de Estradas e Rodagens Claudio Medeiros, que também acompanha os trabalhos.

"É uma enorme satisfação vê que o trabalho alcançou, finalmente, seu objetivo, que era dotar o aeroporto de estrutura adequada para atender as exigências da ANAC para voos comerciais. Estamos com a sensação do dever cumprido", diz Claudio Medeiros.

A reunião final entre DER, ANAC e empresa ConsultaER, contratada pelo Governo do Estado para concluir a reabertura do Aeroporto Dix Sept Rosado, foi realizada na noite desta quinta-feira, 1, após dois dias intensos de trabalho.

Os técnicos da ANAC apontaram alguns pequenos problemas que não haviam sido sanados, porém os técnicos da ConsultaER e do próprio DER estavam presentes para providenciar de imediato. Foram afixados algumas placas de sinalização vertical, por exemplo.

Para autorizar pousos e decolagens de voos comerciais em Mossoró a ANAC exigiu;


  • Que fosse restaurada a sinalização horizontal e vertical da pista de pouso, da área de decolagem e pátio do estacionamento de aeronaves;
  • Restauração da estrada de patrulhamento ao longo de quase 3 km da pista;
  • Limpeza geral das margens e também da pista;
  • Revisão de toda a extensão das cercas;
  • Revisão total de balizamento;
  • Revisão das luminárias que orientam os pilotos durante os pousos noturnos;
  • Isolamento total da área patrimonial, com construção de muros e cercas para evitar aproximação de animais na pista;
  • Além de revisão das instalações elétricas externas e internas. 


Claudio Medeiros disse que a ANAC exigiu também que fosse feito rebaixamento de algumas residências construídas dentro da área do Aerporto há vários anos. Em algumas cass precisou somente remanezar as antenas parabólicas.

Algumas poucas casas foram removidas. "Ainda conforme Claudio Medeiros, o correto seria a Prefeitura de Mossoro remover todas as famílias que construíram casas dentro da área do Aeroporto para um local afastado", destaca.

Após a decisão, a informação será divulgada pelo Governo do Estado, possivelmente já nesta sexta-feira, 2.

O Governador Robinson Faria esteve esta semana em Mossoró e, na ocasião, destacou que o trabalho que está sendo feito para colocar o aeroporto em funcionamento é mais um compromisso que assumiu com a população de Mossoró e região. Ele assegurou que as demoras para reabrir o aeroporto se deu em função da burocracia e questões estruturais do aeroporto.

Antes, o Governo do Estado já havia divulgado que a empresa Aérea Azul estava interessada em operar voos comerciais passando por Mossoró-RN. Com a decisão da ANAC em aprovar as obras feitas e liberar o aeroporto, é provável que os voos comecem logo nas próximas semanas.

Fonte: Mossoró Hoje

Nenhum comentário:

Postar um comentário