terça-feira, 6 de fevereiro de 2018

Turismo estrangeiro cresce 69% em janeiro no RN


Com a malha viária restabelecida no Aeroporto Internacional de São Gonçalo do Amarante, após a interdição da pista de pouso, o turismo do Rio Grande do Norte deu um novo salto de crescimento.

Dados do sistema de tráfego internacional da Superintendência da Polícia Federal do RN registraram aumento de 69,41% de turistas estrangeiros em solo potiguar em janeiro deste ano, se comparado ao mesmo período do ano passado. Foram 4.083 turistas internacionais, sendo 1.673 a mais do que os 2.410 de 2017.
“O aumento do número de visitantes estrangeiros é uma comprovação do acerto das ações do nosso governo com o objetivo de apoiar o setor do turismo, que é uma vocação natural e representa um enorme potencial econômico”, declarou o governador Robinson Faria ao comemorar os números de visitantes do primeiro mês do ano.

“Desoneramos o querosene de aviação, atraímos novos voos, vamos ter modernos empreendimentos. Tudo isso nos dá a certeza de que uma nova fase do desenvolvimento turístico está apenas começando no Estado, com benefícios para uma grande cadeia produtiva e ganhos econômicos e sociais”, concluiu.

O ranking permanece liderado pela Argentina, país que recebeu maior investimento em divulgação pelo Governo do Estado. Foram 1.951 turistas ou 144% a mais do que o ano passado ou 47,78% do total de turistas estrangeiros no RN. Na sequência vem novamente Portugal, com 13,74% e que também mereceu destaque em campanhas de divulgação em eventos de turismo ou junto à companhia aérea TAP, com aumento de voos semanais.

“São números que atestam um trabalho planejado, estratégico e eficiente de divulgação dos nossos destinos. E para além de números, a população tem visto nas praias e restaurantes de Natal, Pipa e São Miguel do Gostoso, sobretudo, muitos argentinos e portugueses deixando receitas importantes à economia do nosso Estado”, ressaltou o secretário estadual de Turismo, Ruy Gaspar.

A estimativa é de que o número de turistas registrado neste mês de janeiro tenha deixado em torno de R$ 16 milhões na economia do estado. O montante é R$ 6,5 milhões a mais do que os R$ 9,5 milhões de janeiro do ano passado.

Se no primeiro semestre de 2016 o Rio Grande do Norte foi o único estado nordestino – e um dos três da Federação – a registrar aumento de turistas estrangeiros, neste mês de janeiro todos os estados do Nordeste cresceram. Mas o maior percentual foi do Estado potiguar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário