sexta-feira, 20 de abril de 2018

Após quase um mês, professores da rede estadual de ensino do RN suspendem greve


Os professores da rede estadual de ensino decidiram pela suspensão da greve, iniciada há 29 dias. Os trabalhadores optaram pelo fim do movimento grevista em assembleia realizada na tarde desta quinta-feira (19) e devem retornar às escolas na segunda-feira (23).

A categoria suspendeu o movimento grevista após o Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Rio Grande do Norte (Sinte-RN), mediado pela Justiça, conseguir do Governo do Estado a garantia do pagamento da correção de 6,81% do Piso Salarial de 2018, bem como o retroativo acumulado de janeiro a março.

O Piso, conforme prometido pelo governo, será implementado para os trabalhadores ativos já neste mês de abril. Os aposentados devem receber em seis parcelas, de abril a setembro deste ano.

O retroativo, tanto para ativos quanto aposentados, será pago de outubro de 2018 a março de 2019, em seis parcelas.

Educadores do Município mantêm greve

Na próxima segunda-feira, os educadores de Natal vão se reunir em mais uma assembleia geral, às 8h30, na ASSEN, no bairro de Petrópolis. Em pauta estará, segundo o Sinte, a avaliação do movimento grevista, iniciado em 21 de março para reivindicar a correção do Piso Salarial 2018, melhores condições de trabalho, reformas nas escolas e concessão de direitos que vêm sendo negados.

Segundo o sindicato da categoria, até o momento é esperado que o Prefeito recém-empossado, Álvaro Dias, convoque os sindicalistas e apresente uma nova proposta para pagar o Piso.

Na assembleia realizada na última terça (17) os educadores da capital voltaram a negar a última proposta do Executivo Municipal, considerada "inaceitável". A proposta sugeria pagar o Piso Salarial apenas em junho, sem pagar o retroativo relativo a janeiro, fevereiro, março, abril e maio deste ano.

Fonte: G1/RN

Nenhum comentário:

Postar um comentário