sábado, 2 de junho de 2018

Guarda Civil anuncia paralisação no dia de evento festivo

No dia da abertura do “Mossoró Cidade Junina (MCJ) 2018 neste sábado (2), com o evento “Pingo da Mei Dia”, quando a cidade deve concentrar milhares de pessoas na avenida Rio Branco e seu entorno, a Guarda Municipal de Mossoró (GCM) vai paralisar as atividades.

A categoria entende que não foi positiva a resposta da Prefeitura sobre os pleitos apresentados. Dos 14 pontos, somente dois foram atendidos.

Para os demais, não há perspectiva.

Segue nota enviada pelo Sindicato dos Guardas CIvis Municipais do RN (SINDGUARDAS) na íntegra:


Nota à imprensa

Em assembleia realizada na tarde do dia 01/06/2018, os guardas civis municipais de Mossoró avaliaram a resposta do governo em relação aos pontos de pauta apresentados pelo SINDGUARDAS/RN no ofício 086/2018 e não receberam como positiva.

Dos 14 pontos apenas o comando da GCM e os atrasados de 2016 foram resolvidos. O porte de arma institucional permanece sem previsão de encaminhamento, os enquadramentos por nível foram oferecidos de 3 por mês onde se tem hoje quase 90 atrasados, negativa de reposição das perdas salariais, permanece sem perspectiva ainda a aquisição de equipamentos de proteção individuais como coletes, algemas e pistolas de eletrochoque dentre outros. Outros pontos relacionados a direitos retirados ficaram de ser encaminhados para apreciação da procuradoria.

Diante do apresentado pela administração a categoria decidiu pela paralisação de advertência de 24 horas para o dia 02/06/2018. As 7 horas do dia 02/06 a categoria se concentrará no HEMOCENTRO para assembléia e encaminhamentos de atividades que serão realizadas ao longo do dia. Na próxima semana será apresentado pelo SINDGUARDAS/RN uma contraproposta a administração.

Blog Carol Ribeiro


Nenhum comentário:

Postar um comentário