GOVERNO RN

sábado, 9 de junho de 2018

Solange Almeida anima segunda noite do Mossoró Cidade Junina


Na segunda noite de shows do Mossoró Cidade Junina 2018, a cantora Solange Almeida animou o público que aguardava ansioso pela sua apresentação. Esse foi o primeiro show da cantora na cidade em sua carreira solo.

Muitos fãs vieram de longe pra ver a Sol. Ana Paula e mais três amigas saíram da cidade de Pacajus, no Ceará, só pra assistir ao show. “Andamos 250 quilômetros para vir ao show dela. Acompanho Solange desde 2004, junto com Aviões, viajo vários lugares só pra ver a Solange Almeida”, disse a fã.


Antes do show, Solange Almeida falou da alegria que estar de volta a Mossoró. “Eu amo essa cidade, é muito bom estar aqui de volta. Mossoró faz parte da minha história e sempre uma alegria cantar para esse público”.

Nesta segunda noite de shows ainda de apresentaram no palco da Estação das Artes as bandas Forró dos Três e Forró de Front.


Interação com o público e música ao vivo marcam início do Chuva de Bala


A primeira apresentação do Chuva de Bala no País de Mossoró, um dos espetáculos mais culturais e esperados do Mossoró Cidade Junina, ocorreu  nesta sexta-feira (08), no adro da igreja São Vicente. Neste ano a cidade de Mossoró comemora os 91 anos de resistência do povo mossoroense contra o bando de lampião. Os espectadores puderam contar com um Chuva de Bala interativo com a trilha sonora feita ao vivo, uma novidade deste ano.

Em sua 17ª edição o Chuva de Bala mantém a tradição de preservar a história da resistência do povo mossoroense contra a invasão do bando de Lampião. Muitos artistas da terra e região têm a oportunidade de resgatar um pouco dessa história. Lucas Araújo é estudante de música da UERN e está se apresentando pela primeira vez no espetáculo. “Eu sempre ouvia falar do espetáculo Chuva de Bala, mas nunca tinha assistido. Agora estou tendo a oportunidade de participar do espetáculo e viver tudo aquilo que ouvia falar. Tenho um sentimento de gratidão por estar participando dessa edição”, relata o estudante da UERN. Junto com Lucas, outros oito músicos garantiram a trilha sonora do evento.

 Quem não pôde assistir o Chuva de Bala no País de Mossoró nesta sexta-feira (08) poderá acompanhar o espetáculo durante os dias 10, 14, 15, 16, 17, 21, 22, 23, 24 e 29 de junho a partir das 21h.





Nenhum comentário:

Postar um comentário