Sicredi


Uma missão de trabalho da Ufersa chegou recentemente da Argentina com mais uma parceria firmada com universidades internacionais. Dessa vez o diálogo aconteceu com a Universidade de Buenos Aires. Integraram a missão os professores Jean Berg Alves (Pró-Reitor de Pesquisa e Pós Graduação da Ufersa), Aurélio Barros (editor-chefe da Revista Caatinga), Daniel Valadão (Coordenador do Programa de Pós-Graduação em Fitotecnia) e Glauber Henrique Nunes (Programa de Pós-Graduação em Fitotecnia).

Na ocasião, a comitiva da Ufersa foi recebida pela professora Adriana Kantoli, Vice-Decana da Faculdade de Agronomia da Universidade de Buenos Aires (FAUBA), pela Coordenadora de Cooperação e Relações Bilaterais, María Sol Galli, e por professores de Agronomia e Produção Animal da Universidade.


A professora Adriana Kantolic agradeceu a visita e apresentou as principais áreas de trabalho da FAUBA, afirmando ser uma prioridade da instituição as parcerias bilaterais, ampliando a possibilidade de formação dos seus docentes. O professor Jean Berg apresentou o histórico e as principais competências da Ufersa apontando as oportunidades de intercâmbio não só de docentes e discentes, mas também da troca de conhecimento e execução de projetos conjuntos entre as duas instituições.

As reuniões seguiram com a apresentação das diferentes áreas de trabalho das duas instituições e as possibilidades de interação entre as mesmas. Ao final das reuniões ficaram definidos alguns encaminhamentos:

– Estabelecimento de um grupo de trabalho para viabilizar o intercâmbio entre as instituições, com previsão de início das atividades no segundo semestre de 2018.

– A participação de professores da Ufersa na VI Reunião da Rede Argentina de Salinidade, que será realizada em 2019 pela FAUBA, com a Ufersa entrando como colaboradora do evento.

– A oferta de disciplinas de curta duração na Ufersa por professores da FAUBA e vice-versa.

A Universidade de Buenos Aires iniciou suas atividades em 12 de agosto de 1821. Desde então, tem sido uma instituição caracterizada pela sua excelência acadêmica e tem a honra de ter formado três ganhadores do Prêmio Nobel: Dr. Bernardo Houssay, Dr. Federico Leloir e César Milstein. . Além disso, na Faculdade de Direito, formou-se o Prêmio Nobel da Paz, Carlos Saavedra Lamas.

Atualmente, a Universidade de Buenos Aires representa um espaço de treinamento de prestígio reconhecido e um compromisso marcado com a sociedade.


Postar Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem