quarta-feira, 6 de junho de 2018

Vereadores enterram CEI do lixo por não atender aspectos legais formais



A bancada governista na Câmara Municipal de Mossoró, em atendimento às necessidades do Governo Rosalba Ciarlini (PP): encerrou abruptamente a Comissão Especial de Investigação (CEI) do Lixo, na sessão ordinária realizada à manhã de segunda-feira, 5.

Apesar de contestação de vereadores da oposição, valeu a força da maioria governista. A presidente da Casa, vereadora Izabel Montenegro (MDB), justificou que apenas cumpria o Regimento Interno desse poder, Lei Orgânica do Município (LOM) e a Constituição Federal.

A discussão da CEI não estava na pauta do dia, mas foi apresentada e colocada em votação, com pedido de arquivamento da investigação. Seriam perscrutados cinco contratos seguidos (e um aditivo) com dispensa de licitação, para limpeza urbana de Mossoró, que envolvem mais de R$ 52 milhões entre abril de 2016 e maio deste ano.


Voto para arquivar a CEI do Lixo:

- Zé Peixeiro (PTC) –

- Tony Cabelos (PSD) –

- Alex Moacir (MDB) –

- Ricardo de Dodoca (PROS) –

- Sandra Rosado (PSDB) –

- Maria das Malhas (PSD) –

- Francisco Carlos (PP) –

- Flavinho Tácito (PPL) –

- João Gentil (Sem partido) –

- Emílio Ferreira (PSD) –

- Manoel Bezerra (PRTB) –

- Didi de Arnor (PRB) –

- Aline Couto (PHS) –

Não votou:

- Izabel Montenegro (MDB) – Presidiu sessão e não precisou votar

Voto para manter a CEI do Lixo:

- Isolda Dantas (PT) –

- Ozaniel Mesquita (PR) –

- Raério Cabeção (PRB) –

- Rondinelli Carlos (PMN) –

- Alex do Frango (PMB) –

* Na verdade, os vereadores acima (da oposição) resolveram se retirar do plenário, quando viram que era impossível barrar a decisão da maioria governista.

Ausentes:

- Genilson Alves (PMN) –

- Petras Vinícius (DEM) –

Blog do Carlos Santos


Nenhum comentário:

Postar um comentário