segunda-feira, 12 de novembro de 2018

Em Hong Kong, mulher morre por overdose de botox


Uma mulher de 52 anos morreu hoje (12) em Hong Kong, depois de receber uma overdose de botox em uma clínica estética. É o terceiro caso deste tipo em menos de um mês na região. 

A equipe médica da clínica confirmou que a mulher, de sobrenome Cheung, desmaiou após receber um tratamento de botox.

As informações são da imprensa local. Após ser levada em estado crítico para o hospital Queen Elizabeth, a morte foi confirmada nesta segunda-feira.


Segundo informações de policiais, a mulher teria recebido mais de dez injeções de botox na clínica, que ainda não se pronunciou a respeito.

A investigação está em curso e não houve detenções.

A toxina botulínica, mais conhecida como botox, é uma neurotoxina utilizada como tratamento de algumas doenças neurológicas e como produto cosmético para eliminar rugas faciais.

Em altas doses, a toxina pode provocar paralisia muscular progressiva, dificuldades respiratórias e a morte.

Com informações das agências Brasil e EFE


Nenhum comentário:

Postar um comentário