quarta-feira, 7 de novembro de 2018

Tragicomédia "A Mulher Monstro" terá única apresentação neste domingo no Lauro Monte


Neste domingo, dia 11 de novembro, às 20h, no Teatro Lauro Monte Filho, Mossoró recebe em única apresentação A Mulher Monstro, com o ator potiguar premiado José Neto Barbosa. Os ingressos antecipados promocionais por apenas R$ 20,00, sendo vendidos no restaurante il' Giardino Della Pizza, alí na Rio Branco, vizinho ao restaurante La Goccia Blu.

Segundo a organizadora do espetáculo, Katharina Gurgel, o ator principal vai promover uma oficina. "José Neto Barbosa ministra ainda a Oficina "Atuar e [R]Existir: o ator, a cidade e a subversão da dor" nos dias 09, 10 e 11 de novembro, através do programa RN Criativo, também no Teatro Lauro Monte Filho", explicou. José Neto é potiguar e é  o atual Assessor de Teatro e Ópera do Governo de Pernambuco. Soma oito  prêmios de Melhor Ator entre festivais de cinema e teatro, fora menções honrosas e indicações. Além de interprete das artes cênicas, também diretor, arte educador e produtor


As inscrições são Gratuitas (vagas limitadas) e podem er feitas pelo e-mail contato.rncriativo@gmail.com.

A Mulher Monstro é uma tragicomédia que fala do preconceito, trata a atualidade político-social do Brasil através da figura de uma burguesa perseguida pela própria visão intolerante da sociedade, sem saber lidar com a solidão e as relações num tempo de ódio e corrupção vistos sem vergonha.

A criação do espetáculo começou em 2015, na efervescente crise política, financeira, ética e moral do país e estreou em 2016. Inspirado nas suas memórias da “Mulher Monga” dos parques e circos nordestinos, José Neto Barbosa aborda a intolerância, decorrente da discriminação vista e sentida no convívio social.

A peça foi premiada como Melhor Monólogo do Teatro Nacional 2017 pela Academia de Artes no Teatro do Brasil/Prêmio Cenym, onde em 2015 José Neto também venceu a categoria Melhor Ator com o solo “Borderline”. Nas duas edições, concorreu com nomes como Ary Fontoura, Álamo Facó, Marcos Veras, Marcos Caruso, entre outros.

Mossoró Hoje


Nenhum comentário:

Postar um comentário