terça-feira, 18 de dezembro de 2018

Em Nota, Fernando Mineiro diz que vai brigar por vaga na Câmara Federal


Fernando Mineiro, do PT, reconheceu que perdeu a vaga no Congresso Nacional. Em nota divulgada nesta terça-feira, 18, o petista citou que o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) “determinou a validação dos votos para deputado federal recebidos por Kericles Ribeiro” e que a decisão “beneficia diretamente o candidato Beto Rosado, do PP, tomando nossa vaga de deputado federal”. “Apresentaremos recurso contra essa decisão”, anunciou.

Nessa segunda-feira, 17, o ministro Jorge Mussi, do TSE, determinou que sejam contabilizados os 8.990 votos conquistados por Kerinho, como Kericles Ribeiro é conhecido. O Tribunal reconheceu que houve erro jurídico e destacou que o candidato enviou a documentação necessária corretamente e dentro do prazo.


Kerinho se candidatou pelo PDT, que fez coligação com o PP de Beto Rosado. A votação dele é suficiente para mudar as vagas do Rio Grande do Norte na Câmara dos Deputados.

O TSE determinou que o Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE-RN) realize nova análise do registro de candidatura de Kerinho. Além disso, a Corte Potiguar deve fazer um novo cálculo do quociente eleitoral.

Veja nota de Mineiro na íntegra:

O ministro Jorge Mussi, do Tribunal Superior Eleitoral, determinou ontem (17/12) a validação dos votos para deputado federal recebidos por Kericles Ribeiro, que teve o registro como candidato impugnado por falta de documentação.

A decisão, contrária à posição adotada pelo próprio ministro antes da eleição, baseia-se no argumento de uma falha, nunca acontecida antes, no sistema da Justiça Eleitoral. Ela beneficia diretamente o candidato Beto Rosado, do PP, tomando nossa vaga de deputado federal, conquistada com 98.070 votos, a terceira maior votação no estado.

Apresentaremos recurso contra essa decisão, que contraria a jurisprudência firmada sobre o assunto.

Fernando Mineiro



Nenhum comentário:

Postar um comentário