Sicredi


A cidade de Mossoró, na região Oeste Potiguar, que há 10 dias não registrava homicídio, voltou a conviver com a violência letal intencional, na terça feira, 25 de dezembro de 2018.

Um crime de homicídio por arma de fogo foi registrado por volta das 10h40 no alpendre do bar da "Cosma" localizado  no cruzamento das Ruas Pedro Gomes de Oliveira com Santa Luzia, no bairro Belo Horizonte.


A vítima identificada como Antonio Lopes Sobrinho, "Desmantelado", 57 anos de idade, morava no bairro Itapetinga (antigo Estreito), foi alvejado  e morreu no local.

De acordo com a perícia criminal, a vítima foi atingida com apenas um tiro, que atravessou o braço e atingiu o abdômen. No local não foram encontradas capsulas ou estojos o que impossibilitou de imediato a identificação do calibre da arma usada no crime. No local como sempre impera a lei do silêncio, ninguém informou nada para a polícia sobre o que teria ocorrido.

Após os procedimentos realizados no local do crime pela equipe do ITEP, com acompanhamento da Polícia Civil, através do delegado Evandro Luiz dos Santos, o corpo da vítima foi removido para ser examinado no setor de medicina legal do Instituto pericial e depois será liberado para sepultamento.

Até o momento não há informações sobre  a motivação e autoria do crime. No Sistema do Judiciário do Rio Grande do Norte, não consta nenhum registro de antecedentes criminais contra Antônio Lopes Sobrinho. Este foi o homicídio de 234 registrado em Mossoró neste ano de 2018. A investigação do crime ficará a cargo da Delegacia de Homicídios de Mossoró que contará com apoio investigativo da Força Nacional.

Fim da Linha



Postar Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem