segunda-feira, 31 de dezembro de 2018

Ufersa tem ordem de serviço assinada para construção do 2º bloco de Medicina


O Reitor da Ufersa, o professor José de Arimatea de Matos, assinou na manhã de quinta-feira, dia 27, a ordem de serviço para a execução de mais três obras importantes na Ufersa. São elas: a construção do segundo Laboratório de Medicina, a recuperação e restauração do Prédio Administrativo, conhecido como Rosadão, e a recuperação da pavimentação de ruas nos quatro campi da Universidade. Acompanharam a assinatura o Pró-Reitor de Administração, Jorge Luiz Oliveira, o Superintendente de Infraestrutura, Cleyton Kleber Dantas, além de representantes das empresas que vão executar os serviços.



O segundo prédio do curso de Medicina será construído ao lado do Bloco de Habilidades, que já está na fase final e que deve entrar em funcionamento em abril, no início do semestre letivo de 2019. Essa segunda estrutura de Medicina vai garantir uma maior acomodação e qualidade ao Ensino do curso. Com investimento de R$ 2,1 milhões, a previsão é que a obra seja entregue no prazo de um ano e o Reitor Arimatea já adiantou que pretende licitar o terceiro bloco da Medicina já em 2019 para começar a construção no início de 2020.

Outra obra importante com a ordem de serviço assinada é a recuperação e restauração do Prédio Administrativo da Ufersa, o popular Rosadão. A estrutura que abriga as Pró-Reitorias de Administração, Planejamento, Gestão de Pessoas, Superintendência de Infraestrutura e o Protocolo, vai ganhar acessibilidade com novas rotas de fuga, escadas apropriadas e recuperação do revestimento externo. Ao todo, serão investidos cerca de R$ 800 mil na recuperação do Rosadão e a obra deve ser totalmente concluída em 2019.

Além dessas obras, o Reitor Arimatea também assinou a ordem de serviço para recuperar a pavimentação nos 4 campi da Ufersa. Em Mossoró, os reparos serão concentrados entre a Guarita do Expocenter até o Prédio Rosadão e do Cepas até o Complexo de Transporte, Patrimônio e Almoxarifado, no Campus Leste. Nos campi de Angicos, Caraúbas e Pau dos Ferros a recuperação vai acontecer em todas as vias internas. Serão investidos cerca de R$ 600 mil. A expectativa é que o serviço esteja totalmente pronto em 3 meses.

Com informações da assessoria da Ufersa e Mossoró Hoje



Nenhum comentário:

Postar um comentário