BANNER 1


O presidente Jair Bolsonaro pediu desculpas nesta 3ª feira (29.out.2019) ao Supremo Tribunal Federal (STF) por ter publicado em seu perfil no Twitter 1 vídeo onde a Suprema Corte e outras instituições aparecem representadas como hienas. Segundo reportagem do jornal O Estado de S. Paulo, o presidente entende que a publicação da peça foi 1 “erro”.

O vídeo, publicado nessa 2ª feira (28.out.2019), mostra 1 leão identificado como “presidente Bolsonaro” afugentando hienas identificadas como várias instituições, como o STF, a ONU, empresas jornalísticas, partidos políticos e a Lei Rouanet.

Clique AQUI e leia a matéria sobre o vídeo polêmico.

A publicação teve repercussão negativa e logo foi apagada da conta do presidente. Ao jornal, ele disse que se desculpa publicamente ao STF. “Foi uma injustiça, sim, corrigimos e vamos publicar uma matéria que leva para esse lado das desculpas. Erramos e haverá retratação”. A retratação foi feita depois que o ministro do STF Celso de Mello criticou a postagem.

Poder 360


Postar Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem