BANNER 1


Mesmo já acostumados com as altas temperaturas registradas em Mossoró, comuns neste período do ano, os mossoroenses têm sofrido com o calor dos últimos dias, com previsão de aproximadamente 38ºC de temperatura máxima. Além disso, as previsões para a Umidade Relativa do Ar estão com mínima em torno de 15%.

Diante desse quadro, a Coordenadoria de Proteção e Defesa Civil, da Secretaria Municipal de Segurança Pública, Defesa Civil, Mobilidade Urbana e Trânsito, faz um alerta à população sobre a importância de adotar cuidados especiais para evitar problemas de saúde decorrentes da Baixa Umidade do Ar.

De acordo com Osnildo Morais de Lima, coordenador de Proteção e Defesa Civil, o órgão inclusive recebeu um alerta nacional sobre essa condição.  “Como foge do nosso controle imediato impedir esta manifestação climática, algumas medidas podem ser utilizadas para melhorar nossa saúde e qualidade de vida nesses períodos”, enfatiza.

Entre os problemas provocados pela a baixa umidade do ar, estão o ressecamento da pele, olhos, nariz e garganta, além do aumento no risco de incêndios.    Além desses desconfortos citados pode causar danos a saúde.

Para combater esses efeitos, a Defesa Civil orienta:

* Ingerir bastante líquido;

* Espalhar panos úmidos ou baldes com água em ambientes da casa, principalmente no quarto ao dormir;

* Lavar nariz, e olhos com soro fisiológico algumas vezes ao dia;

* Trocar comidas com muito sal ou condimentos por alimentos mais saudáveis;

* Usar creme hidratante na pele;

* Evitar exercícios físicos entre as 10 da manhã e 5 da tarde;

* Evitar grandes aglomerações;

* evitar carpetes ou cortinas que acumulem poeira;

* Evitar cobertores de lã ou pelos;

* Evitar exposição prolongada à ambientes com ar condicionado;

* Manter a casa higienizada, arejada e ensolarada;

* Cuidados pra não provocar queimadas.


Postar Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem