BANNER 1



O fogo voltou e voltou com força na região serrana do Santuário do Lima, no município de Patu. Há dois dias que as chamas avançam na mata nativa, destruída a fauna e a flora.

Há pouco mais de um mês o comando do Corpo de Bombeiros do Rio Grande do Norte considerou controlado um incêndio nesta mesma região.

Com apoio de Força Tarefa, Bombeiros apagam fogo na Serra do Lima, em Patu

Há dois dias que queimam a vegetação nativa na região.

As imagens feitas com um drone pelo comerciante Thiago Gomes mostram centenas de focos de incêndios numa área gigantesca e outra área devastada pelas chamas.

Pelo alto, as imagens mostram a cidade de Patu, que tem pouco mais de dez mil habitantes, e o Santuário de Nossa Senhora dos Impossíveis, que recebe milhares de romeiros nesta época do ano, cobertos por uma nuvem de fumaça.

E não é só na Serra do Lima que os Bombeiros estão trabalhando, com apoio da população, para conter focos de incêndio na vegetação seca e contra o vento forte.

Uma grande área também está sendo queimando nas cidades de Antônio Martins, Luiz Gomes, Francisco Dantas, Serrinha dos Pintos e Martins, todos os Alto Oeste do RN.

Na tarde de segunda-feira (11), os bombeiros informaram que os incêndios nos municípios de Francisco Dantas e Luiz Gomes haviam sido controlados, com apoio de voluntários.

A preocupação é maior na região da Serra do Lima e também de Martins, onde o Corpo de Bombeiros informa que concentra seus esforços, com apoio da população, para conter as chamas. Nestas regiões o acesso praticamente não existe.

Mossoró Hoje


Postar Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem