BANNER 1


O primeiro crime de homicídio da terça-feira (03) aconteceu por volta das 17h30 na Rua Major Gutemberg de Melo, bairro Barrocas.

Sérgio Murilo Brilhante, 28 anos, foi morto com cerca de dois tiros na região da cabeça. De acordo com a perícia a vítima estava parada em cima de sua moto, quando foi surpreendida pelo atirador.

O delegado de plantão, Dr. Luiz Fernando acredita que a vítima caiu em uma armadilha, já que não morava naquela localidade.

Após os procedimentos de perícia o corpo de Sérgio Mutilo Brilhante foi removido para ser examinado no Instituto Médico Legal do Itep e depois liberado para sepultamento.

Até o momento não há informações sobre a motivação do crime. A Delegacia de Homicídios, vai investigar o caso para tentar chegar aos autores do crime.

Segunda ocorrência

O segundo homicídio do dia aconteceu no início da noite na Rua Oliverio Olímpio Neto, região conhecida como Papôco, no Planalto Treze de Maio. A vítima, o trabalhador braçal Cosme Damião da Silva Neto, de aproximadamente 42 anos de idade,  foi morto com cinco tiros.

A Polícia apurou que a vítima estava no curral dando comida para os porcos, quando foi surpreendido pelos criminosos que já chegaram atirando contra ele. Cosme Damião ainda tentou fugir, mas foi perseguido, alvejado e morto.

A Polícia Militar foi acionada e passou a isolar o local do crime.


O delegado de plantão Dr. Luiz Fernando esteve no local acompanhando o trabalho da equipe do Itep e disse aos jornalistas que Cosme foi vítima de homicídio e descartou qualquer possibilidade do crime está relacionado com latrocínio, ou seja, roubo seguido de morte. Para o delegado o crime é característico de execução.

Com o assassinato de Cosme Damião, Mossoró chega ao 200º homicídio em 2019.


Postar Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem