BANNER 1


O líder da oposição na Câmara Municipal de Mossoró, vereador Raério Araújo (Republicanos), poderá sofrer revés inédito no legislativo mossoroense.

A reclamação que corre contra ele no Conselho de Ética da Câmara tramita rápido e pode desaguar em uma punição.

É que o Conselho analisa uma reclamação da vereadora Sandra Rosado (PSDB), que afirma ter sido agredida verbalmente pelo edil.

Acontece que o grupo é formado por uma maioria governista, que pode garantir a punição de Raério, como afastamento temporário das atividades legislativas, advertência e até perda do mandato.

O grupo é formado por três vereadores da situação: Alex Moacir (MDB), Manoel Bezerra (PRTB) e Emílio Ferreira (PSD). Da oposição, dois: Alex do Frango (PMB) e Ozaniel Mesquita (PL).

A decisão precisa ser referendada pelo plenário.

No plenário, caso o Conselho decida por adverti-lo, a dificuldade seria ainda maior para o parlamentar oposicionista. Lá, a maioria é governista.

Os situacionistas podem ver aí oportunidade de dar uma resposta a Raério, crítico incisivo do Palácio da Resistência e da bancada palaciana.

Blog Saulo Vale


Postar Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem