BANNER 1


O ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), solicitou à Procuradoria Geral da República (PGR) uma manifestação sobre o pedido de afastamento do presidente feito pelo deputado Reginaldo Lopes (PT-MG).

O despacho de Marco Aurélio é da última 6ª feira (27.mar.2020).

O congressista Reginaldo Lopes apresentou notícia-crime contra Bolsonaro pelo “histórico das reiteradas e irresponsáveis declarações” sobre a pandemia de coronavírus. Eis a íntegra (7 MB) do documento protocolado por Reginaldo.

O encaminhamento para a PGR é uma fase na tramitação de denúncia contra o presidente da República. Marco Aurélio Mello poderia ter arquivado o documento, mas optou por dar continuidade ao processo.

Poder 360


Postar Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem