BANNER 1



A partir desta quarta-feira (1), o Procon Municipal de Mossoró iniciará uma série de visitas às empresas que foram alvo de reclamações registradas pelos consumidores mossoroenses, devido ao preço abusivo de produtos como álcool em gel, máscaras e luvas, bastante procurados nesse período de pandemia do novo coronavírus (COVID-19).

Segundo a diretora do órgão, Vera Lúcia Batista de Araújo, a fiscalização será feita em conjunto com a coordenação de proteção ao consumidor. Além de farmácias e lojas especializadas em materiais médico-hospitalares, a visita se estende a alguns supermercados da cidade que, de acordo com reclamações dos consumidores, estão aumentando os preços de itens que compõem a cesta básica.

“O Procon trabalha recebendo as denúncias  dos consumidores pelos telefone (84) 3315-5049, (84) 98827-0689 (whatsapp), e vamos começar a fase de fiscalizações. Através do Sistema Nacional de Informações de Defesa do Consumido (SINDEC), ligado ao Ministério da Justiça, a gente faz a Carta de Informações Preliminares (CIP), que será entregue as empresas solicitando as notas fiscais de compras desses produtos dos meses de fevereiro e março, para avaliar se o aumento está partindo dos fornecedores ou dos comerciantes locais, para identificar quem está cometendo o abuso, e diante das respostas desses estabelecimentos comerciais, vamos tomar as medidas cabíveis. Uma série de ações realizadas pelo Procon para a garantia dos direitos do consumidor mossoroense”, destaca.


Postar Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem