BANNER 1


Sete presos, sendo cinco provisórios e dois sentenciados, custodiados na Cadeia Pública de Mossoró, fugiram na manhã de segunda-feira, 04 de maio de 2020, daquela unidade prisional.

De acordo com a direção do presídio, a fuga aconteceu durante o banho de sol, mas só foi percebida no final da tarde, durante a contagem dos detentos.

Durante a chamada que é feita diariamente, os policiais penais de plantão sentiram a falta de sete detentos. Ainda de acordo com a direção, há pelo menos dois anos não ocorria fuga na Cadeia pública.

O caso já foi comunicado à juiza da vara de execuções penais de Mossoró, Dra. Cynthia Cibele e à Secretaria da Administração Penitenciária do estado. Policiais Penais e Militares estão em diligências com objetivo de localizar e recapturar os fugitivos.

A Secretaria da Administração Penitenciária (SEAP) divulgou nota afirmando que determinou  a instauração de Processo Administrativo Disciplinar para apurar as circunstâncias da fuga dos sete internos da Cadeia Pública de Mossoró.

Segundo a nota, a fuga foi comunicada imediatamente ao Centro Integrado de Operações  de Segurança Pública (Ciops). O Departamento de Inteligência e o Grupo de Escolta Penal foram acionados e estão diligenciando para capturar os fugitivos

Entre os fugitivos estão os irmãos, Jefferson de Melo Nogueira e Geovani de Melo Nogueira, ambos acusados de matarem Antony Calebe, que tinha 01 ano e 6 messes, morto durante um atentado em que o alvo era o seu pai, crime ocorrido em novembro de 2018 em Mossoró. Os demais fugitivos são presos provisórios.

Veja a lista com os nomes dos fugitivos

* Jefferson de Melo Nogueira

* Douglas Alves Pereira da Cunha

* Antônio Vitor Silva Melo

* Raimundo Raiele da Silva

* Geovani de Melo Nogueira

* Gilson Jadson Marcelino da Silva

* Alberto Soares Sousa Dantas Filho

Fim da Linha


Postar Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem